Porto Alegre, sexta-feira, 19 de Dezembro de 2014

  • 07/05/2014
  • 12:11
  • Atualização: 12:31

Médico gaúcho morre após passar mal em voo para Portugal

Homem de 76 anos viajava com esposa para comemorar 50 anos de casamento

  • Comentários
  • Karina Reif / Correio do Povo

Após passar mal em um voo para a Europa, o médico gaúcho Sérgio Francisco Xavier da Costa, 76 anos, morreu durante atendimento no Hospital do Coração, em Natal. A aeronave da Tap, que saiu de Porto Alegre em direção a Lisboa, precisou aterrissar no Rio Grande do Norte na madrugada dessa terça-feira. O médico e a mulher, a professora aposentada Marlene Campelo da  Costa, seguiam para Portugal e de lá embarcariam para Paris, onde o casal iria comemorar o aniversário de 50 anos de casamento.

Conforme a companhia aérea, Costa teve um infarto dentro do avião e recebeu os primeiros atendimentos de dois outros passageiros médicos que estavam no voo. O corpo só deve chegar nesta quarta à Capital, quando será velado e cremado no Cemitério João XXIII. O médico do trabalho e perito deixa dois filhos, o jornalista diretor da Playboy e Men’s Health Sérgio Xavier Filho, 47 anos, e o  coordenador do Programa de Pós-Graduação em Design da Unisinos, Filipe Campelo Xavier da Costa, além de quatro netos.

“Ele era cardíaco, mas estava bem. Fazia uma viagem de bodas de ouro para ser só de alegria e acabou em fatalidade”, afirmou Filipe. Segundo ele, o pai era muito querido entre os colegas. “Vai fazer muita falta como familiar e como médico. Era uma referência de atendimento humano. Muito respeitado e admirado ao longo da carreira inteira”, observou.

Conforme a nora Lúcia Capaverde, que trabalhava com o médico, ele coordenava uma equipe e atuava prestando assistência para várias empresas. Sérgio Francisco Xavier da Costa era ligado à Associação dos Peritos Médicos Forenses do Estado do Rio Grande do Sul (APMF).

Bookmark and Share



TAGS » Avião, Morte