Porto Alegre, sábado, 1 de Novembro de 2014

  • 25/05/2014
  • 15:36
  • Atualização: 16:23

Modelo gaúcha é libertada na China

Amanda Griza estava detida desde o dia 8, por não ter visto para trabalhar no país

Amanda Griza estava detida desde o dia 8 | Foto: Reprodução Facebook / CP

Amanda Griza estava detida desde o dia 8 | Foto: Reprodução Facebook / CP

  • Comentários
  • Rádio Guaíba e Correio do Povo

A modelo gaúcha Amanda Griza, que estava presa na China desde o dia 8, foi libertada neste domingo, de acordo com o deputado federal Vieira da Cunha, que realizou articulações junto ao Itamaraty. Moradora de Balneário Camboriú, ela deve desembarcar em Florianópolis na noite desta segunda-feira.

Natural de Osório, Amanda, de 19 anos, e mais 30 jovens estavam detidas em Pequim por não terem a autorização para habilitação para atuar no mercado chinês.

Conforme Vieira da Cunha, as autoridades chinesas esclareceram que as modelos tinham sido vitimas de uma agência de moda que não reservou a documentação necessária para o trabalho das jovens. Via Twitter, o deputado federal comemorou o desfecho final. “Estamos muito contentes. Enfim, ela voltará para a sua família. É um final feliz, com certeza

Bookmark and Share


TAGS » Moda, China