Porto Alegre, sábado, 25 de Outubro de 2014

  • 03/06/2014
  • 11:07
  • Atualização: 11:34

Nova licitação do transporte público sairá em seis meses

Prefeito confirmou que nenhum interessado apresentou proposta para a EPTC

Prefeito confirmou que nenhum interessado apresentou proposta para a EPTC  | Foto: André Ávila

Prefeito confirmou que nenhum interessado apresentou proposta para a EPTC | Foto: André Ávila

  • Comentários
  • Correio do Povo e Rádio Guaíba

O prefeito José Fortunati afirmou em coletiva na manhã desta terça-feira que uma nova licitação do transporte público demorará no mínimo seis meses. Apesar de uma medida cautelar suspender o processo, a sessão da comissão de Licitação do Transporte Público foi aberta para o recebimento dos envelopes para a apresentação das tarifas técnicas. De acordo com o prefeito, nenhum interessado apresentou proposta junto a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) e todo o processo será refeito para que tenha legalidade.

"A EPTC deverá agora aperfeiçoar a nova licitação, juntamente com o Tribunal de Contas do Rio Grande do Sul (TCE), para que a licitação seja feita de acordo com o interesse público, afirmou Fortunati.

O conselheiro do Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Sul, Pedro Figueiredo, explicou que concedeu a medida cautelar em razão de duas denúncias feitas por quatro vereadores de Porto Alegre. De acordo com ele, itens da licitação foram objetos de impugnação e poderiam afastar alguns possíveis licitantes. Figueiredo aponta “uma possível desproporcionalidade” no modelo de multas no contrato.

Bookmark and Share