Correio do Povo

Porto Alegre, 30 de Agosto de 2014


Porto Alegre
Agora
21ºC
Amanhã
14º 25º


Faça sua Busca


Notícias > Geral

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

02/07/2014 18:30 - Atualizado em 02/07/2014 18:47

Famurs deve pedir R$ 200 mi ao governo federal após prejuízos causados pela chuva

Encontro com ministro da Casa Civil em Brasília está marcado para esta quinta

A Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs) deve pedir recursos no valor de R$ 200 milhões ao governo federal para custear os reparos necessários nos municípios gaúchos atingidos pelas chuvas. A informação é do presidente da Federação, Seger Menegaz, que junto a uma comitiva formada por cerca de dez prefeitos de cidades atingidas viaja, ainda nesta quarta-feira, a Brasília. Nesta quinta, o pedido oficial deve ser feito à Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil.

A proposta é que a verba seja dividida entre todas as cidades afetadas, principalmente para a reconstrução de estradas, rodovias e pontes, além da reestruturação do solo em áreas rurais que tiveram as lavouras comprometidas. O secretário do Gabinete dos Prefeitos, Jorge Branco, e o tenente-coronel Oscar Moiano, coordenador da Defesa Civil, devem acompanhar os gestores em um encontro com o ministro da Integração Nacional, Francisco Teixeira.

• RS repassa R$ 700 mil para cidades afetadas pelas cheias
• Localizado corpo de homem desaparecido no rio Jacutinga
• Moradores de Iraí fazem mutirões de limpeza após chuvas

Ainda na manhã desta quarta, a Famurs havia apresentado ao governo do Estado a demanda de R$ 200 mil para cada cidade afetada, sendo esse valor dividido igualmente para reparos em mobilidade e na agricultura. Segundo Menegaz, mesmo os municípios não afetados pelas chuvas devem receber um auxílio de R$ 100 mil para recuperação de estradas e outros R$ 100 mil para o setor rural. A Federação ainda pede que o governo emita um decreto estadual de situação de emergência.

Governador deve anunciar medidas de auxílio nesta quinta

Medidas em cinco áreas de auxílio devem ser detalhadas, às 10h desta quinta-feira, pelo governador Tarso Genro. A primeira, de emergência, já vem sendo posta em prática, com atuação especial da Defesa Civil. A segunda trata do atendimento às pessoas, com possíveis adiantamentos de parcelas do Bolsa Família, concessão de Aluguel Social e abatimento nas tarifas de água da Corsan. O terceiro eixo trata de liberação de recursos para os agricultores que tiveram perdas nas lavouras. Em quarto lugar o governo promete liberação de microcrédito para os empreendedores atingidos e, por fim, liberação de recursos para as Prefeituras reconstruírem estradas e construírem poços artesianos.

Bookmark and Share


Fonte: Gabriel Jacobsen/Rádio Guaíba






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.