Correio do Povo

Porto Alegre, 2 de Setembro de 2014


Porto Alegre
Agora
15ºC
Amanhã
14º 21º


Faça sua Busca


Notícias > Geral

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

07/01/2014 14:40 - Atualizado em 07/01/2014 14:41

EGR assume 950 quilômetros de rodovias no Estado

Retomada de cinco polos de pedágio foi marcada por elogios e críticas

EGR assume 950 quilômetros de rodovias no Estado<br /><b>Crédito: </b> Samuel Maciel
EGR assume 950 quilômetros de rodovias no Estado
Crédito: Samuel Maciel
EGR assume 950 quilômetros de rodovias no Estado
Crédito: Samuel Maciel

O início das operações da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR) nesta terça em mais cinco polos – Viamão (ERS 040), Gramado (ERS 235), São Francisco de Paula (ERS 474), Três Coroas (ERS 115) e Santo Antônio da Patrulha (ERS 474) – marcou o fim do processo de retomada das praças de pedágio privados. A partir de agora, a EGR é responsável por gerenciar 950 quilômetros de rodovias no Estado. O processo teve início em fevereiro do ano passado, quando a empresa assumiu as praças de Campo Bom, Coxilha e Portão.

Essa malha rodoviária passa a ser gerenciada pelo modelo de pedágio público-comunitário. Isso porque contam com a participação popular no processo de decisão pelos Conselhos Comunitários das Regiões das Rodovias Pedagiadas (Corepes). Na prática, segundo explicou o presidente da EGR, Luiz Carlos Bertotto, a empresa tomará as medidas que a população considerar mais importante.
,
Em 2014, a EGR pretende investir 80% dos R$ 182 milhões que deverão ser recolhidos em investimentos. Os valores aplicados serão destinados na manutenção, recuperação asfáltica e obras de melhorias e segurança. O presidente explicou que mesmo que aparentemente as rodovias entregues pelas concessionárias estivessem em bom estado, há necessidade de investimentos. “Um exemplo foi o que ocorreu na ERS 287, em Santa Cruz do Sul, que depois da primeira chuva, ficou toda esburacada”, recordou.

Elogios e críticas

Mas o começo da administração da EGR foi marcado pela dualidade. Na ERS-040, enquanto a redução dos preços era comemorada por parte dos usuários, outros reclamavam da falta de assistência de urgência. Um caso de descontentamento foi vivenciado pelo morador de Viamão, Alberto Rodrigues Pereira, que teve o carro danificado na rodovia e não pode contar com um guincho. “A falha ocorreu às 2h da madrugada, porque a bateria deixou de funcionar, e até agora (9h) o serviço da rodovia não esteve aqui para auxiliar. Antes, a situação já teria sido resolvida e, nesta hora, estaria retornando para a praia”, lamentou ele, enquanto esperava o reboque. “Paguei pedágio e acho que o serviço ficou a desejar”, desabafou após horas de espera.

Bertotto, que esteve no local para acompanhar o início do funcionamento da praça de pedágio, explicou que os motoristas precisam se acostumar com a mudança de funcionamento do sistema. “Somente nas primeiras horas recolhemos três veículos que estragaram na rodovia. Eles foram retirados por questões de segurança e para que o proprietário pudesse solicitar os serviços de conserto”, explicou o presidente. O serviço de emergência na rodovia pode ser solicitado pelo 198. O da Ouvidoria é 0800-6483903.

O início das operações também foi comemorado, em especial pela redução no valor do pedágio. A tarifa normal para veículos de passeio passou de R$ 7,00 para R$ 5,20. Morador de Cachoeirinha, mas trabalhando em Palmares do Sul, Francisco Rafael da Silva, considerou o novo valor bem atrativo. “Serão R$ 1,80 de economia. No final do mês vai sobrar um valor considerável”, celebrou.

A utilização do novo sistema gerou um pouco de demora no atendimento, provocando filas. Mesmo assim, não foram registrados grandes transtornos ao trânsito em geral. Nas praças de Gramado, Três Coroas e São Francisco de Paula o pedágio terá preço único de R$ 5,90. Em Santo Antônio da Patrulha, o valor para veículos de passeio, é de R$ 5,20.


Bookmark and Share

Fonte: Mauren Xavier / Correio do Povo





» Tags:Geral Pedágio

O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.