Porto Alegre, quinta-feira, 23 de Outubro de 2014

  • 15/01/2014
  • 07:47
  • Atualização: 08:05

Sindicato dos Rodoviários confirma operação tartaruga em Porto Alegre

Ônibus devem trafegar no limite mínimo de velocidade

  • Comentários
  • Correio do Povo e Rádio Guaíba

O Sindicato dos Rodoviários de Porto Alegre confirmou a realização da operação tartaruga para a manhã desta quarta-feira na Capital. De acordo com o presidente da entidade, Júlio Gamaliel, o ato deve começar depois das 8h. No começo desta manhã, os ônibus circulavam normalmente em todas as regiões da cidade.

Por volta das 7h40min, o trânsito era normal na Capital. As vias com maior movimento eram a Assis Brasil, na zona Norte, próximo ao viaduto Obirici, e a avenida Cavalhada, na zona Sul. Na Região Metropolitana, o fluxo de veículos estava dentro da normalidade sem registros de acidentes da BR 116 e Rodovia do Parque.

Na noite dessa terça-feira, o sindicato decidiu em assembleia no Ginásio Tesourinha, a realização do protesto que promete fazer com que os veículos circulem no limite mínimo de velocidade nas ruas de Porto Alegre.

O impasse

O Sindicato das Empresas de Ônibus de Porto Alegre (Seopa) ofereceu reajuste baseado no índice oficial da inflação, o que foi recusado pelos 330 rodoviários presentes na assembleia. A entidade patronal também propôs renovar as demais cláusulas da convenção coletiva vigente como vale-alimentação, passe livre gratuito, quinquênio e garantia da função de cobrador, além da manutenção do subsídio do plano de saúde.

O presidente do Sindicato dos Rodoviários, Júlio Gamaliel, afirmou que as negociações com a Seopa não vão terminar. “Não vamos parar, mas vamos andar devagar”, informou. A categoria está pedindo um aumento salarial de 14% mais R$ 1,00 no valor do vale-refeição.

Bookmark and Share