Correio do Povo

Porto Alegre, 31 de Julho de 2014


Porto Alegre
Agora
14ºC
Amanhã
17º 24º


Faça sua Busca


Notícias > Geral

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

05/02/2014 17:32 - Atualizado em 05/02/2014 17:52

Receita investiga esquema de sonegação no RS e SC

Mandados de busca e apreensão em Santo Ângelo e São José (SC) fora solicitados pelo MPF

A Receita Federal e a Polícia Federal (PF) executam nesta quarta-feira a Operação Ouro de Tolo, que tem por objetivo a coleta de provas relativas a esquema de sonegação e envio de falsas declarações de débitos e créditos tributários federais (DCTF). Mandados de busca e apreensão solicitados pelo Ministério Público Federal (MPF) estão sendo executados em Santo Ângelo, na região das Missões, e em São José (SC).

Os alvos são a residência do sócio de uma empresa da região que contratou uma consultoria para reduzir a cobrança de seus débitos tributários e o próprio escritório de consultoria que vendeu o serviço. A empresa, ao invés de pagar os tributos à Receita, contratou um consultor para redução de seus débitos e, conseqüentemente, reduzir os valores a pagar. Na verdade, a consultoria apenas retificou as declarações já enviadas por outras falsas, enquanto criava a aparência de legalidade ao serviço que dizia prestar.

Tem sido comum pessoas, que se dizem consultores, prometerem milagres para reduzir as dívidas tributárias das empresas, como compensações ou supostos esquemas envolvendo servidores e/ou falhas de controle da Receita. No entanto, conforme a Receita, os consultores providenciam a inserção de dados falsos nas declarações das empresas, que é uma prática fácil de ser identificada, como ocorreu.  Participam da operação quatro auditores da Receita e oito servidores da PF.

Bookmark and Share


Fonte: Correio do Povo






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.