Correio do Povo

Porto Alegre, 24 de Julho de 2014


Porto Alegre
Agora
11ºC
Amanhã
16º


Faça sua Busca


Notícias > Geral > Saúde

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

02/04/2014 19:46 - Atualizado em 02/04/2014 19:50

RS terá 3,8 milhões de vacinas de campanha contra a gripe em 2014

Número representa aumento de 700 mil em relações às doses do ano passado

O Ministério da Saúde confirmou que o Rio Grande do Sul receberá em 2014 mais de 3,8 milhões de vacinas da campanha contra a gripe, o que representa um aumento de 700 mil vacinas em comparação com o ano passado. A data para a mobilização nacional, o chamado Dia D, é 26 de abril, quando os postos de vacinação abrem excepcionalmente.

Este acréscimo nas doses se deve à ampliação na faixa etária das crianças, que agora passa a ser para até as menores de cinco anos, e uma parcela maior destinada às pessoas portadoras de doenças crônicas. Somadas às cerca de 206 mil crianças entre os seis meses e dois anos de idade, a campanha vai ter como público-alvo mais 387 mil com mais de dois anos e menos de cinco.

Para a secretária estadual da Saúde, Sandra Fagundes, "com a ampliação dessa faixa etária aumentamos a proteção à população e a expectativa é de reduzir o número de casos e de óbitos”. Além das crianças, serão vacinadas as pessoas acima dos 60 anos, gestantes, puérperas (mulheres até 45 dias depois do parto), e pessoas com doenças crônicas (respiratórias, cardíacas, renais, imunodeprimidos, entre outros).

Além desses grupos, os indígenas também recebem as doses, diretamente nas aldeias; os profissionais de saúde se protegem nos próprios locais de trabalho; e os apenados e agentes penitenciários, devido aos índices de doenças respiratórias, também recebem a vacina. Os grupos prioritários são escolhidos levando em conta as pessoas com mais chances de desenvolver complicações a partir da gripe.

No RS, cerca de 3,5 milhões de pessoas fazem parte dos grupos prioritários, onde a meta do Ministério da Saúde é a cobertura de 80% da população, o que totaliza mais de 2,8 milhões. Para os doentes crônicos, serão destinadas mais de 1,19 milhões de doses. A vacina protege contra três tipos de vírus influenza: influenza A H1N1, influenza A H3N2 e influenza B, pelo período de um ano. Em 2013, foram vacinadas 3 milhões de pessoas, incluindo 926 mil eram doentes crônicos.

População a ser vacinada:

Crianças maiores de 6 meses e menores 2 anos: 206 mil
Crianças maiores de 2 e menores de 5 anos: 387 mil
Pessoas acima dos 60 anos: 1,4 milhão
Gestantes: 103 mil
Puérperas: 17 mil
Indígenas aldeados: 21 mil
Doentes crônicos: 1,2 milhão

Bookmark and Share


Fonte: Rádio Guaíba






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.