Cameron Boyce morreu por "evento inesperado" relacionado à epilepsia, diz laudo

Cameron Boyce morreu por "evento inesperado" relacionado à epilepsia, diz laudo

Considerado uma das grandes estrelas da Disney, ator faleceu no último dia 6

AE

Laudo indica presença do medicamento Keppra, utilizado para tratar epilepsia

publicidade

Cameron Boyce morreu em decorrência de "evento inesperado" relacionado à epilepsia, de acordo com conclusão da autópsia feita pelo Departamento de Exame Médico-Legista de Los Angeles, nos Estados Unidos. O ator, considerado uma das grandes estrelas da Disney, morreu enquanto dormia, no dia 6 de julho, aos 20 anos.

Na ocasião, os pais dele disseram que Boyce havia tido uma convulsão "resultado de uma condição médica preexistente para a qual estava recebendo tratamento". De acordo com informações publicadas pelo site TMZ nessa terça-feira, o laudo não aponta a presença de drogas ou álcool no corpo de Boyce, com exceção do medicamento Keppra, utilizado para tratar da epilepsia.

Origem da doença

A epilepsia é uma doença do cérebro relacionada ao funcionamento anormal dos neurônios. As causas da doença são variadas, mas pode ter origem em danos cerebrais, como um tumor, acidente vascular cerebral (AVC), trauma ou qualquer doença que afete a estrutura normal do órgão. Dessa forma, qualquer pessoa pode desenvolver o quadro, mas aquelas que sofreram alguma lesão são mais propensas. Abuso de álcool e drogas também podem ser um fator para o surgimento da enfermidade.


Mais Lidas

Guia de Programação: a grade dos canais da TV aberta desta quinta-feira, dia 25 de julho de 2024

As informações são repassadas pelas emissoras de televisão e podem sofrer alteração sem aviso prévio

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895