Confira estreias de cinema que foram adiadas por causa do coronavírus
capa

Confira estreias de cinema que foram adiadas por causa do coronavírus

Filmagens também foram interrompidas na tentativa de conter a contaminação do Covid-19

Por
AE

Primeiro filme solo de Viúva Negra teve sua estreia adiada por conta do novo coronavírus

publicidade

A área cinematográfica também está sentindo os efeitos da crise relativa a pandemia do coronavírus. Muitos lançamentos foram adiados e gravações chegaram a ser interrompidas.

Tudo está valendo para tentar impedir uma catástrofe ainda maior por causa da Covid-19 e, para isso, é necessário o distanciamento social imediato.

Entre as estreias previstas para os próximos meses, veja alguns filmes que tiveram data de lançamento adiadas, como é caso de "Mulan", "007 - Sem Tempo para Morrer" e o documentário sobre o diretor Hector Babenco.

Estreias adiadas

• Babenco - Alguém tem que ouvir o coração e dizer: Parou: Premiado documentário de Barbara Paz sobre o cineasta Hector Babenco

• Viúva Negra: Disney adiou a estreia do primeiro solo da espiã Natasha Romanoff, interpretada por Scarlett Johasson. O filme chegaria no cinema no dia 30 de abril. Sem previsão de nova data de estreia

• De Perto Ela Não É Normal: Comédia dirigida por Cininha de Paula e protagonizada por Suzana Pires. 

• Mulan: A versão em live-action da animação da Disney teve estreia adiada, sem data prevista para novo lançamento. 

• Três Verões: Dirigido por Sandra Kogut e com Regina Casé como protagonista, o filme estava agendado para estava programado para estrear no dia 19 e de março, mas foi adiado, sem data prevista para entrar em circuito. 

• 007 - Sem Tempo Para Morrer: O novo filme da Franqui James Bond teve a estreia mundial adiada de abril para o dia 19 novembro deste ano. Dirigido por Cary J. Fukunaga, este é o quinto da saga protagonizado por Daniel Craig. 

• No Gogó do Paulinho: A comédia nacional com Maurício Manfrini e Cacau Protásio, dirigida por Roberto Santucci, teve lançamento adiado, mas com expectativa de chegar aos cinemas ainda este ano. 

• Um Lugar Silencioso - Parte II: A aguardada segunda parte do suspense escrito e dirigido por John Krasinski. 

• A Menina que Matou os Pais e O Menino que Matou meus Pais: O lançamento dos dois filmes baseados no caso Richthofen. 

• Trolls 2: A Universal Pictures anunciou que a animação teve data de estreia adiada. 

• Aos Olhos de Ernesto: O filme tem Ana Luiza Azevedo com o ator uruguaio Jorge Bolani. Na trama, um ex-fotógrafo tenta se reinventar enfrentando os desafios e limitações da idade avançada.

• Eu Sinto Muito: O filme que aborda a questão de transtornos sociais, dirigido por Cristiano Vieira e com Juliana Schalch e Rocco Pitanga no elenco. 

• Desafio de um Campeão: Filme italiano sobre um jogador de futebol imprevisível e o professor contratado para educá-lo deve chegar somente em outubro. Protagonizado por Andrea Carpenzano e Stefano Accorsi, tem direção de Leonardo D'Agostini. 

• Velozes e Furiosos 9: O novo filme da saga protagonizada por Vin Diesel adiou sua estreia, devendo ganhar nova data somente ano que vem. Provavelmente em 2 de abril de 2021. 

Filmagens interrompidas 

• Missão Impossível 7: As gravações do sétimo longa-metragem da franquia protagonizada por Tom Cruise foram interrompidas, principalmente porque o trabalho estava em andamento em Veneza, na Itália, país que enfrenta o ápice da infestação da covid-19. 

• Matrix 4: O novo filme da saga de ficção científica protagonizada por Keanu Reeves teve as gravações encerradas por causa do coronavírus. 

• A Pequena Sereia: Outra grande aposta da Disney, o live-action da animação teve suas gravações interrompidas. A direção está sob o comando de Rob Marshall e tem Halle Bailey no papel da Pequena Sereia.