Espaço cultural da Santa Casa comemora seis anos

Espaço cultural da Santa Casa comemora seis anos

Com teatro, museu e biblioteca, o Centro Histórico-Cultural da Santa Casa de Porto Alegre promove sua programação atualmente on-line

Correio do Povo

Exposição no museu retrata as práticas antigas usadas no hospital.

publicidade

O Centro Histórico-Cultural Santa Casa (CHC Santa Casa) completa seis anos de atividades nesta sexta-feira. Integrado ao complexo hospitalar da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre, o espaço abriu suas portas para a comunidade no dia 5 de junho de 2014, com o compromisso social de cuidar da saúde através da cultura. Trata-se de um multiequipamento cultural único que reúne acervo histórico (documentos), biblioteca, bistrô, museu, loja, sala de aula, teatro e áreas de convivência numa área de 3.740m².

Construído integralmente através de doações de empresas, instituições e pessoas físicas que utilizaram a Lei de Incentivo à Cultura do RS e a Lei Rouanet, o CHC Santa Casa está fundamentado nos pilares arte, educação, história, lazer e propósito, possuindo importante atuação na produção e divulgação das mais variadas manifestações da cultura brasileira. 

No ano do seu sexto aniversário, em meio à crise provocada pela pandemia da Covid-19, o CHC não deixou a cultura parar. O projeto #CHConecta, criado a partir desse desafio, levou para as plataformas digitais uma programação completa: espetáculos (teatro, dança e música), educação patrimonial, podcasts e playlists. 

Para as próximas semanas, o conteúdo será incrementado com entrevistas, cursos, palestras e ações educativas, tudo em formato on-line, podendo ser acessado em casa. “Abril foi um mês de (re)descobertas para o CHC. Foi a primeira vez em que a nossa programação esteve 100% on-line, algo novo que estamos descobrindo juntos. A saudade de receber o público ‘na nossa casa’ por vezes aperta. Porém, estar presente na vida das pessoas nesse momento ímpar, através do #CHConecta, já aquece muito o coração. As maneiras de nos encontrarmos mudaram, mas seguimos fiel ao nosso propósito de levar educação e cultura para nossa comunidade, e agora isso parece mais importante do que nunca!”, diz a produtora cultural Renata Meirelles. O espaço alcançou 13.776 pessoas neste primeiro semestre de 2020. 


publicidade

publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895