Exposição em Atlântida une artes digitais e tradicionais
capa

Exposição em Atlântida une artes digitais e tradicionais

Obras são do plástico Eduardo Zuch e fazem parte de feira

Por
Correio do Povo

Com um papel e uma caneta Bic, Eduardo Zuch explora o realismo


publicidade

A arte digital e a tradicional estão presentes no trabalho do artista plástico Eduardo Zuch. A junção dessas técnicas resulta em obras contemporâneas, com movimento e profundidade. Traços bem marcados na tela fazem parte do seu estilo arrojado. Sua temática também é atual, englobando esportes e monumentos mundiais. Com um papel e uma caneta Bic, Eduardo Zuch explora o realismo.

A estreia do artista no Le Marché Chic será no próximo dia 11 de janeiro, na Feira Le Marché Chic, na Praia de Atlântida. O artista irá colorir com suas obras o Ramblas by Roubadinhas, complexo cultural e de entretenimento, que é ponto de encontro dos gaúchos no litoral, situado na Avenida Central, 2060. A participação de Eduardo Zuch está alinhada com o propósito da Feira Le Marché de apresentar novos talentos do mercado criativo ao público.

Eduardo Zuch, de São Leopoldo, é formado pela Ulbra em Design Gráfico e seu trabalho expressa a percepção sobre o mundo por meio de técnicas diferentes. Ele atua há mais de 20 anos com desenho, área em que é autodidata. 

Variedade artística

Para iniciar a temporada de verão, a Le Marché Chic oferecerá uma programação que contará com exposição de 48 marcas autorais de moda, arte, design, beleza, bem-estar e gastronomia, das 17h às 23h. A Feira, criada por Luciana Alberti, vem conquistando espaço no mercado criativo do sul do país.


A proposta já revelou mais de 450 marcas autorais do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Rio de Janeiro que apresentam produtos feitos à mão, com o objetivo de valorizar os artistas e a economia local. Em três anos, a iniciativa já circulou por cidades gaúchas como Caxias do Sul, Atlântida, Torres, Canela e Porto Alegre.