Fátima Farias lança livro de memórias

Fátima Farias lança livro de memórias

Obra editada pela Libretos tem sessão de autógrafos nesta quinta-feira

Correio do Povo

Escritora Fátima Farias realiza lança novo livro

publicidade

A escritora Fátima Farias lança livro de memórias em prosa poética "Santas de Casa" (Libretos Editora) nesta quinta-feira, dia 13 de abril, às 19h30min, no Vitrolas Bar (rua José do Patrocínio, 770), bairro Cidade Baixa, em Porto Alegre. O evento cultural tem apoio do Sarau Livre, Gente de Palavra, Sarau Afrogueto urbano, Sarau da Invencionática e Sopapo Poético, que estarão presentes no Sarau Santas de Casa. Haverá, ainda, a sessão de autógrafos da autora. 

Fátima Farias chegou a Porto Alegre no início dos anos 1980. Deixou sua terra, Bagé, em busca de novas oportunidades. Quando desceu na rodoviária um tanto assustada com o barulho e o movimento de gente, nas mãos levava duas malas. Uma contendo roupas e outra contendo histórias. Por nunca ter esquecido sua origem, jamais abandonado sua essência, “construída com dores, lamentos, carência, mas acima de tudo afeto”, a autora, em "Santas de Casa", conta um pouco de sua história. São fragmentos reais de sua infância e adolescência, que vêm à tona durante a pandemia (2020/2021), em forma de prosa, diálogos e versos.
Diz ela: “Penso na possível, quase certa hipótese de deixar esse mundo a qualquer momento levando informações e relatos importantes para uma vala comum”. Os assuntos passaram a habitar em sua mente e ela resolveu escrever essa história, inspirada em seu passado, “lá no quintal de casa”. Fátima permitiu que ficasse visível, em certos pontos do texto, a conexão direta com Carolina Maria de Jesus em seus diários e poemas famintos por mudanças. Conceição Evaristo também a visita como mestra e rainha nesse resgate de memória tão viva e presente.

O texto é um ir e vir, “como uma dádiva em forma de libertação”. O personagem principal é o Afeto, e Fátima escreve de uma forma simples, com a intenção de atingir pessoas de todas as classes, sem qualquer tipo de cerimônia. Ela propõe, em "Santas de Casa", uma boa viagem ao leitor, na revolução poética afro, indígena, gaúcha e periférica.

Fátima Farias é poeta, compositora, produtora e articuladora cultural. Participa de saraus, rodas de conversa e palestras, tem textos publicados em coletâneas e revistas. Sua primeira obra individual em poesia foi  "Mel e Dendê" (Libretos, 2020). Em 2022, o Instituto Estadual do Livro lançou "Um poema por dia", da autora. "Santas de Casa" é seu primeiro livro de memórias em prosa poética. É co-idealizadora do projeto literário Geladeiroteca da Bonja, que tem por objetivo espalhar livros e histórias para jovens e crianças, valorizando a educação arte e cultura. 


Mais Lidas

Guia de Programação: a grade dos canais da TV aberta desta terça-feira, dia 27 de fevereiro de 2024

As informações são repassadas pelas emissoras de televisão e podem sofrer alteração sem aviso prévio

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895