Festival de Veneza terá programa reduzido
capa

Festival de Veneza terá programa reduzido

Novo formato da 77ª edição, realizada de de 2 a 12 de setembro, é por causa da pandemia

Por
AFP

Joaquín Phoenix e o diretor Todd Phillips receberam o prêmio em Veneza na última edição


publicidade

O festival de cinema de Veneza, que celebrará sua 77ª edição de 2 a 12 de setembro, terá um programa "reduzido" devido à pandemia de coronavírus, informaram os organizadores nesta terça-feira. 

"Estou muito satisfeito que a Mostra poderá ser realizada com uma redução mínima de títulos e seções", anunciou o diretor do festival, o crítico de cinema italiano Alberto Barbera. 

"Sem esquecer as muitas vítimas dos últimos meses, o primeiro festival internacional a ser realizado após a interrupção forçada imposta pela pandemia adquire o significado de um reinício, uma mensagem de otimismo para o mundo do cinema tão atingido pela crise", afirmou em comunicado.

Os organizadores especificaram que a seleção oficial terá "entre 50 e 55 filmes de todo o mundo", que serão exibidos "nas salas tradicionais" do Lido e respeitando "as medidas sanitárias estabelecidas" pelas autoridades, incluindo o uso de uma máscara e distanciamento social.

No ano passado, o número de filmes selecionados oficialmente para as diversas seções da Mostra foi de 63 títulos, embora tradicionalmente sejam exibidos filmes paralelos e eventos não oficiais, chegando a cerca de 200.

O festival "fornecerá a visão geral habitual do melhor que a indústria cinematográfica produziu nos últimos meses, graças à resposta extraordinária que diretores e produtores deram, apesar das difíceis condições de trabalho dos últimos meses", reconheceu Barbera.

Os organizadores confirmaram a realização do concurso, sem especificar o número de filmes ou títulos. 

Também estão programadas seções Orizzonti (Horizontes), entre as mais inovadoras, Biennale College, e alguns filmes convidados na seção Fora de Competição.

"Uma grande presença de autores e atores acompanhará os filmes no Lido, enquanto entrevistas coletivas serão realizadas on-line com aqueles que não poderão participar pessoalmente devido às restrições ainda em vigor para as viagens", disse Barbera.


A lista de filmes selecionados será divulgada em 28 de julho durante uma conferência de imprensa.