Instituto Ling anuncia selecionados do Ponto de Teatro

Instituto Ling anuncia selecionados do Ponto de Teatro

Escolhidos do edital receberão R$ 45 mil para a produção de espetáculos

Vera Pinto

Ponto de Teatro é iniciativa do Instituto Ling desde 2018

publicidade

O Instituto Ling anunciou os quatro selecionados na terceira edição do edital Ponto de Teatro, que farão oito apresentações cada, no segundo semestre deste ano e o primeiro de 2021, no centro cultural. Cada selecionado receberá R$ 45 mil para a produção do espetáculo, cenário, figurino, sonorização e iluminação, além dos serviços de montagem e divulgação.

“Paraíso Afogado”, da Cia. Espaço em Branco, é composto por três atos, repletos de ironia,
que refletem sobre o capitalismo enquanto malha de relações de exploração globais; “A Vó da Menina”, do Projeto Gompa, questiona que tipo a protagonista de “Chapeuzinho Vermelho” teria com sua avó se não tivesse cruzado com o lobo mau na floresta.

Já “Quase Corpos: um Estudo do Teatro de Beckett”, reúne as peças curtas “A Última Gravação”, “Comédia”, “Não Eu” e “Aquela Vez”, encenadas pela Tribo de Atuadores Ói Nóis Aqui Traveiz, que abordam solidão, sofrimento, fracasso, angústia, absurdo da condição humana e morte. Trata-se de um experimento sobre o "quase corpo", noção de Beckett que revela a fragmentação do corpo físico, psíquico e das relações sociais.

A peça infantil “Sr. Esquisito”, por sua vez, reúne artistas admiradores do escritor e ilustrador gaúcho Hermes Bernardi Jr. (1965-2015), sob a direção de Arlete Cunha e foca padrões e desvios, ao lançar olhares que julgam as esquisitices que nos fazem únicos.

Com o total de 78 propostas, a iniciativa contou no corpo de jurados os jornalistas Alice Urbim e Antonio Hohlfeldt, além da gerente do Instituto Ling, Carolina Rosado dos Santos e do curador do projeto, Renato Mendonça, que ministrará oficinas de crítica teatral gratuitas.

Voltadas ao público adulto, as aulas contemplam conteúdos teóricos – história da crítica no Brasil, diferentes formatos, mídia, tecnologia e redes sociais – e a prática da escrita, em que os participantes assistem à montagem e desenvolvem um texto crítico, a ser postado nas redes sociais da instituição.

Impulsionamento das artes cênicas

Criado em 2018, o Ponto de Teatro visa impulsionar a produção de artes cênicas no Rio Grande do Sul, apoiando e garantindo espaço às produções locais. Já proporcionou a estreia de treze espetáculos inéditos, cujas temporadas somaram mais de 4 mil espectadores, além de treze oficinas gratuitas de crítica teatral.

Em suas duas primeiras edições, o evento viabilizou estreias de espetáculos de teatro adulto e infantil, dança, animação e sombras, muitos indicados ao Prêmio Açorianos de Teatro. O patrocínio é da Crown Embalagens, Fitesa e America Tampas, e o financiamento, do Ministério da Cidadania/Governo Federal.


publicidade

publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895