Júri declara Harvey Weinstein culpado de agressão sexual e estupro de duas mulheres

Júri declara Harvey Weinstein culpado de agressão sexual e estupro de duas mulheres

Ex-produtor de cinema enfrenta possibilidade de pena máxima de 25 anos de prisão

AFP

Ex-produtor de cinema enfrenta possibilidade de pena máxima de 25 anos de prisão

publicidade

Um júri de Nova Iorque declarou, nesta segunda-feira, o ex-produtor de cinema Harvey Weinstein culpado de agressão sexual e estupro de duas mulheres, mas o liberou da acusação de comportamento sexual predatório, um veredicto que representa a primeira vitória parcial nos tribunais do movimemto #MeToo.

Após quase um mês de julgamento e cinco dias de deliberações, o júri considerou Weinstein culpado de estupro em terceiro grau da ex-atriz Jessica Mann em 2013 e de praticar sexo oral na ex-assistente de produção Mimi Haleyi em 2006. O ex-produtor de 67 anos não foi considerado culpado das duas acusações de comportamento sexual predatório e de estupro em primeiro grau, crimes mais graves dos quais era acusado. Weinstein enfrenta a possibilidade de uma pena máxima de 25 anos de prisão.


publicidade

publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895