Premiação para livro de gaúcho

Premiação para livro de gaúcho

Obra de estreia de Volnei Canônica é uma das 13 obras nacionais que receberam a honraria

Correio do Povo

Autor Volnei Canônica e seu premiado livro "Tanta Chuva no Céu"

publicidade

"Tanta Chuva no Céu" (Editora Brasil), livro de estreia de Volnei Canônica, especialista em literatura infantil e juvenil e presidente do Instituto Quindim (Caxias do Sul), com ilustração do equatoriano Roger Ycaza, recebeu o prêmio Selo Distinção Cátedra Unesco de Leitura, pela excelência da obra. Lançada em 2020, foi uma das 13 publicações escolhidas no país para receber a honraria.

“Estou muito feliz por esse reconhecimento tão importante no Brasil!Otrabalho da Cátedra Unesco é de excelência e fundamental para a literatura destinada à infância e juventude. Minha felicidade se amplia já que o prêmio também aproxima as crianças brasileiras da arte do premiado ilustrador equatoriano Roger Ycaza”, exalta Volnei. A narrativa do livro retrata os desafios que uma menina precisa enfrentar para redescobrir a vida e iniciar um novo ciclo. Uma história repleta de imagens e emoção, que de modo poético trata sobre infância, perda e superação. Ycaza elegeu, em contraponto a narrativa, traços fortes e cores vibrantes.

Promovido pelo Instituto Interdisciplinar de Leitura PUCRio (iiLer) e a Cátedra Unesco de Leitura PUC-Rio, o Selo Distinção Cátedra Unesco de Leitura tem o compromisso de registrar o melhor da produção em Literatura Infantil e Juvenil, considerando a pluralidade. Também receberam este selo “Tatá” (Barbatana), de Fran Matsumoto; “Mexique: o nome do navio” (Pallas), da chilena María José Ferrada, ilustrado por Ana Penyas; e “Clara e o homem na janela” (Ameli), da argentina María Teresa Andruetto, ilustrado por Martina Trach.

O livro já está disponível na plataforma de vendas da editora neste link.


publicidade

publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895