Rodriguinho afirma que 'se exaltou' após ser acusado de agressão

Rodriguinho afirma que 'se exaltou' após ser acusado de agressão

Ex-mulher do cantor disse que ele a agrediu durante festa em família e falou que viveu anos de um relacionamento abusivo

R7

Rodriguinho diz que 'se exaltou' com ex-mulher

publicidade

Rodriguinho se pronunciou, neste sábado (23), pela primeira vez após ser acusado de agredir a ex-mulher, Nanah Damasceno. Ele afirmou que "se exaltou" com ela durante festa com filhos.

"Em respeito aos meus familiares, fãs e amigos, gostaria de dizer, primeiramente, que sou contra qualquer tipo de violência", escreveu o músico em comunicado postado no Instagram. "Me exaltei, perdi o controle e me envergonho disso. Peço desculpas à Nanah, que é mãe dos meus filhos e a mulher na qual sempre fiz tudo o que pude para ver feliz. Inclusive, durante quase 1 ano e meio venho lutando para restaurar nossa família", disse.

"A partir de agora, não vou mais me pronunciar sobre esse assunto aqui, e em nenhum veículo de imprensa, pois acho que assuntos como esse devem ser resolvidos em foro íntimo, em respeito aos nossos filhos", completou.

Rodriguinho ainda agradeceu o apoio dos fãs e amigos. Ele também disse que "entende as críticas" e pediu para que as pessoas respeitem o momento que o ex-casal vive. 

Entenda o caso

A ex-mulher do cantor, Nanah Damasceno, denunciou as supostas agressões que sofria do artista. Em uma sequência de vídeos publicada em suas redes sociais, nesta quinta-feira (22), ela disse que viveu um relacionamento abusivo durante anos e que era agredida pelo ex frequentemente.

"Gente, eu estava em uma festa com meus filhos e eu cansei de esconder o filho da p*** que o Rodrigo é! Ele é um desgraçado, foi um abusador, tive um relacionamento abusivo durante anos. Não sei o que deu nele, o que ele viu. Ele me bateu dentro da festa! Eu estava saindo e ele me bateu, como já me bateu várias vezes", começou ela.

Juntos, Nanah e o cantor viveram juntos por 10 anos e tiveram um filho. Ela contou, no começo deste mês, que os dois se separaram há cerca de um ano.


publicidade

publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895