‘Transformação’ é a nova mostra de Tânia Cauduro

‘Transformação’ é a nova mostra de Tânia Cauduro

A exposição tem abertura marcada na próxima quinta-feira na Gravura Galeria de Arte com obras produzidas durante a pandemia

Correio do Povo

Obra da exposição ‘Transformação’, que vai abrir na Gravura Galeria

publicidade

A pandemia serviu de inspiração para a exposição "Transformação", da artista Tânia Cauduro, com abertura marcada para a próxima quinta-feira, dia 7, na Gravura Galeria de Arte (Rua Corte Real, 647), em Porto Alegre. As obras são telas abstratas feitas em acrílico, com intervenções de papéis e folhas de ouro. Segundo a artista, a inspiração veio do momento de pandemia que estamos vivendo, que é um tempo de transformação e de mudanças. 

O convite para fazer a exposição individual foi um incentivo para a artista reiniciar os trabalhos. E quando começou a pintar, não conseguiu mais parar. Por isso, batizou a mostra de "Transformação". Tânia acredita que por meio da arte, as pessoas se transformam e se reinventam. Por isso afirma: "Estamos em constante transformação para renovar e para evoluir.” Tânia Cauduro é publicitária e artista plástica, e participou de diversos cursos na área das artes visuais. Suas telas são abstratas, e a técnica que utiliza é acrílico sobre tela com texturas e intervenções de diferentes tipos de papel. As cores variam de acordo com a fase da artista, podendo ser mais coloridas ou mais neutras. Em 2020, ela participou da exposição “Moda&Arte”, realizada em Atlântida. Recentemente, suas obras integraram também a Exposição 25 anos de Arte da Gravura Galeria.

A mostra se estende até o dia 30 de outubro, na Sala Branca da Gravura Galeria de Arte. A visitação, respeitando todos os protocolos de saúde e distanciamento social, pode ser feita de segundas a sextas-feiras, das 9h30min às 18h30min e sábado das 9h30min às 13h30min.

 


Mais Lidas

Guia de Programação: a grade dos canais da TV aberta desta quarta-feira, dia 1 de maio de 2024

As informações são repassadas pelas emissoras de televisão e podem sofrer alteração sem aviso prévio

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895