Acne: um problema muito além do chocolate

Acne: um problema muito além do chocolate

Por

publicidade

acne-depois-25-anosA acne é sempre um tema polêmico e quando se pensa em alimentação, as dúvidas só aumentam. Em tempos de ovos e de chocolate e cestas de guloseimas, impossível não se preocupar com a dieta e a pele. Há alguns anos, essa associação não teria fundamento. Mas, com o avanço das pesquisas e a aceleração do ritmo de vida, essa dupla passou a ter tudo a ver.

 

Quem explica é a professora especialista em Estética e Cosmética coordenadora da área de Saúde do Senac Canoas, Márcia Warken. “Não podemos culpar apenas o chocolate, a questão é mais ampla. A rotina atual das pessoas é muito corrida, fica difícil ter uma alimentação adequada. A combinação dieta e acne tem sentido e os alimentos com alto teor de gordura e glicose contribuem para o surgimento de cravos e espinhas”.

 

No entanto, Márcia alerta que nem só a alimentação influencia. A acne é uma doença multifatorial, decorrente de combinações de fatores Alterações hormonais, má absorção de nutrientes e estilo de vida influenciam também. “A acne não pode ser evitada, mas é possível ter cuidados com a pele, para mantê-la saudável e amenizar o surgimento de cravos e espinhas. Manter uma alimentação equilibrada, uma boa ingestão de água e exercícios físicos regulam a produção sebácea da pele", salienta a especialista.

 

FICA A DICA



 

Para quem deseja aderir a uma rotina de limpeza da pele em casa, a professora sugere a higienização diária pela manhã e a noite, com o uso de tônico para equilibrar o pH e aplicar o filtro solar para proteger. "Com o uso de produtos corretos para cada tipo de pele, isso controlará a oleosidade e evitará o surgimento de novas ou mais acnes".

 

dicas-para-se-livrar-da-acne