Brasileiro: projeções e balanço
capa

Brasileiro: projeções e balanço

Hoje o Flamengo aparece como o maior favorito ao caneco. Mas...

publicidade

O Brasileiro de 2019 teve a sua primeira rodada em 27 de abril. 
Da minha coluna:
“Palmeiras, Cruzeiro, Grêmio, Flamengo e Internacional.
Estes os favoritos para levar o caneco do Brasileiro que começa neste sábado. 
Mas, e há sempre um mas em tudo, até os quero-queros de Frederico Westphalen sabem que favoritismo não levanta taça. 
E que os time que correm por fora estão dentro do jogo. Galo, São Paulo, Santos e Corinthians figuram no meu pote secundário.”
O G-6 do Brasileiro tem, pela ordem: Flamengo, Palmeiras, Santos, Internacional, Corinthians e São Paulo. 
O Galo aparecia em quarto lugar na 14ª rodada com cinco pontos a menos do que o líder então, o Santos.
Depois de cinco derrotas seguidas despencou para a 9ª posição.
Nem o torcedor mais pessimista do Cruzeiro poderia prever em abril queda tão vertiginosa.
Entre os meus favoritos ao caneco, terminou o turno em 17º lugar, na zona de rebaixamento. 
Hoje divide a crise técnica com a financeira, além de estar envolvido em escândalos. 
Achou que trocando Mano por Ceni daria a volta por cima. Não deu. 
A crise respingou na Copa do Brasil, com e eliminação nas semifinais para o Inter, e Libertadores, nas oitavas de final diante do River. 
Hoje, porque amanhã é outro dia e neste Campeonato Brasileiro vento que sopra Sul numa rodada pode soprar Norte na outra, hoje o Flamengo aparece como o maior favorito ao caneco. 
Está metido nas semifinais da Libertadores. Isto pode ser um complicador. 
Tem time, banco e um treinador ousado.
O Palmeiras estabilizou depois da saída de Felipão, demitido ao ser goleado pelo Flamengo. 
O time paulista ganhou duas seguidas e deve ser incluído entre as equipes candidatas ao caneco, assim como o Santos e o Internacional. 
A dúvida é saber como o Inter reagirá após perder a chance de levantar a taça da Copa do Brasil. 
A certeza é que daqui em diante poderá usar sempre todos os titulares disponíveis, sem poupar ninguém 
O Grêmio aparecia entre os meus favoritos ao título. Assim como outros times, perdeu pontos importantes ao escalar reservas ou equipes mistas, dando prioridade para a Copa do Brasil (saiu na semifinal) e Libertadores (está na semifinal). 
Com o time principal, ganhou seus dois últimos compromissos com autoridade. 
Goleou o Cruzeiro por 4 a 1 como visitante e aplicou 3 a 0 contra o modesto Goiás na Arena com atuação de luxo.
Com base no turno é possível cogitar quem serão os rebaixados. 
O site Infobola aponta o Avaí com 84% de chance de figurar na Segundona em 2020. 
Depois aparecem Chapecoense, 83%; CSA, 68%; Cruzeiro, 44%; Fluminense, 49%; Goiás, 22%; Fortaleza, 14%; Ceará, 16% e Vasco, 12%. 
O Cruzeiro jamais disputou a Série B.