Inter: as perdas financeiras com o coronavírus
capa

Inter: as perdas financeiras com o coronavírus

Os jogos diante do América de Cali e Grêmio pela Libertadores renderiam R$ 10 milhões só de cota da TV

Time de Coudet não sabe quando voltará a atuar

publicidade

Conversei com o vice-presidente do Inter, Alexandre Chaves Barcellos.
Para saber como o clube enfrentará financeiramente o coronavírus.
A Libertadores está suspensa, assim como o Gauchão.
"Fazer qualquer previsão agora é um exercício de futurologia.
Não se sabe até quando os campeonatos irão parar.
Poderemos ter inadimplência de sócios, pois não há futebol."
O clube pensa em tomar medidas neste sentido. 
Como compensar o tempo sem jogos no Beira-Rio.
Não contando este período. 
Exemplo: com parada de dois meses, o contrato do sócio se estenderia por mais dois meses no final.
O Gre-Nal do dia 21 pelo segundo turno do regional seria no Beira-Rio.
Está suspenso. 
O último Gre-Nal, pelas semifinais do turno do regional, deixou R$ 1.369.495,00.
Os jogos diante do América de Cali e Grêmio pela Libertadores renderiam R$ 10 milhões só de cota da TV.
Mais cerca de R$ 4 milhões de bilheteria. 
Barcellos: "É um impacto violento para todos os clubes do mundo".
Ele não sabe como ficará a questão do pay per view.
O Inter fechou o Beira-Rio. 
Só ficaram funcionários de plantão.