O maior faturamento da história
capa

O maior faturamento da história

A receita operacional bruta do Flamengo até 30/06/2019 foi de R$ 407,1 milhões

publicidade

A receita operacional bruta do Flamengo até 30/06/2019 foi de R$ 407,1 milhões contra  R$ 270 milhões no mesmo período de 2018.   
Os números estão no último balancete, ainda não auditado.
Trata-se do maior faturamento de um clube de futebol brasileiro em seis meses. 
Desta soma, R$ 214 milhões são de "repasses de direitos federativos de transferências de jogadores". 
Só uma negociação rendeu uma fortuna:
"Em 9 de Outubro de 2018, o Clube assinou contrato para negociação dos direitos econômicos do atleta Lucas Tolentino Coelho de Lima (“Lucas Paquetá”) para o Clube AC Milan SPA pelo montante de Euro 35 milhões, (R$ 150 Milhões). Conforme conforme descrito no contrato, a transferência se efetivou apenas em 3 de janeiro de 2019, após o processamento da transação no "International Transfer Matching System" ("TMS").   
Os custos com futebol ficaram nos R$ 288 milhões.
O clube publica o valor das luvas da TV: R$ 120 milhões por um contrato até 2024:
"Clube firmou contrato de cessão de direitos de transmissão e exibição dos jogos do Campeonato Brasileiro, para as temporadas de 2019 a 2024, com a Rede Globo de Televisão e Globosat Programadora Ltda. No 2º trimestre de 2019 o saldo consolidado das antecipações é R$ 31.950. 
Adicionalmente o contrato estipula que o clube tem direito do recebimento de luvas, no montante de R$ 120.000, a serem amortizados pelo período do contrato. 
No 2º trimestre de 2019, o clube possui um saldo de antecipação das luvas, no montante de R$ 94.178." 
Como dinheiro na mão é vendaval, o Flamengo tenta a contratação de Mario Balotelli.