Os milhões por Everton, o furo de domingo
capa

Os milhões por Everton, o furo de domingo

Perguntas: Everton conhecia a proposta dos chineses? Foi consultado?

publicidade

O furo do domingo vem do editor de esportes do Correio do Povo, Carlos Corrêa. 
Enquanto o Grêmio nega qualquer oferta oficial por Everton, Carlos Corrêa garante que o clube gaúcho recusou uma de 45 milhões de euros. 
Com salários milionários para o jogador. 
Perguntas: Everton conhecia a proposta? Foi consultado? 
A multa rescisória é de 80 milhões de euros. Mas o Grêmio aceitava 60 milhões de euros. 
Quem tentou levar Everton para o Beijing Guoan teve problemas na negociação. 
Muitas gente envolvida. Everton está dividido em fatias. 
A fatia maior é do Grêmio, 50%. 
Neste caso, ficaria com 30 milhões de euros. 
Os 45 milhões de euros oferecidos equivalem e R$ 194,7 milhões pela cotação atual. 
O Grêmio levaria a metade. Este blogueiro informou vai tempo que por menos de 30 milhões por sua parte o Grêmio não negocia. Segundo Carlos Corrêa o jogador receberia um salário anual de 8 milhões de euros (cerca de R$ 34,6 milhões) por ano em um contrato de quatro anos. 
Mais a sua parte da negociação. 
Pagamento na hora. 
O Grêmio está preocupado com o vazamento da informação. 
Tratava-se das propostas por Everton de forma sigilosa. 
Lembrando que vai algum tempo o Grêmio deixou de vender Luan por uma fortuna. 
Com o passar do tempo, os direitos federativos por Luan sofreram uma desvalorização de mais de 50%.