As relações amorosas no divã
capa

As relações amorosas no divã

Por

publicidade

"IDENTIFICAÇÃO. O sujeito se identifica dolorosamente a qualquer pessoa (ou qualquer personagem) que ocupe a mesma posição dele na estrutura amorosa".

Roland Barthes - "Fragmentos de um Discurso Amoroso"

 

Psicanalista Ariane Severo lança “O Suave Mistério Amoroso”, nesta sexta-feira, às 18h, no Plaza São Rafael

 

A investigação da relação amorosa humana, baseada na prática clínica, com ensinamentos de Heidegger, Winnicott e Roland Barthes, Freud e a narrativa derivada deste estudo é o que propõe a psicanalista Ariane Severo em "O Suave Mistério Amoroso: Psicanálise das Configurações Vinculares" (AGE, 248 páginas), livro que será lançado nesta sexta-feira, 3 de outubro, às 18h, durante a IX Jornada Bianual do Contemporâneo – Instituto de Psicanálise e Transdisciplinaridade - “Diálogos com Elisabeth Roudinesco”, realizada hoje e amanhã no Centro Eventos do Hotel Plaza São Rafael (rua Alberto Bins, 514, Centro), em Porto Alegre.

Com base em seus registros clínicos e idéias e nas leituras diversificadas, que incluem também pensadores como Gaston Bachelard, Deleuze, Michel Foucault, entre outros, a autora foi selecionando traços, características, que observou ou conheceu através da literatura ou do consultório. Na orelha da obra, o psicanalista Roberto B. Graña destaca que "livre dos compromissos coercitivos e das amarras aguilhoantes das teorias e das técnicas, Ariane aprendeu que a análise de casais, tem como seu "não objeto" o ser no mundo e o estar no mundo dos seus pacientes. Intervém como artista, segundo Merleau-Ponty: empresta o corpo".



“Para mim, psicanálise, filosofia e literatura se confundem absolutamente. O que escrevo é psicanálise, e não apenas uma metáfora, porque essas ideias e descrições correspondem a realidades psicológicas, realidades encontradas na clínica, na literatura e na vida. O que pode legitimá-las é a própria vida, a experiência do entre dois. Esta é a psicanálise palpitante, que impulsiona a minha reflexão”, destaca a autora.

Ariane Severo é psicanalista pelo Centro de Estudos Psicanalíticos de Porto Alegre e especialista em Psicanálise das Configurações Vinculares pelo Contemporâneo, Instituto de Psicanálise e Transdisciplinaridade, onde atua como professora e supervisora há mais de quinze anos.  Escritora, publicou anteriormente o livro "Encontros & Desencontros: A Complexidade da Vida a Dois" (2010) e colaborou na obra "Transmissão Transgeracional e a Clínica Vincular" (2006), além de publicar diversos artigos em revistas especializadas. É coautora de cinco livros de contos das oficinas de Criação Literária de Alcy Cheuiche (2009, 2010, 2011, 2012, 2014).