Ferrari mais vermelha da década quer o trono da Mercedes

Ferrari mais vermelha da década quer o trono da Mercedes

publicidade

Dutos para refrigeração tem o tamanho mínimo já apresentado num Fórmula 1


As laterais foram enxugadas de maneira incrível, num conjunto ultracompacto da frente até a traseira. Com isso, as entradas propriamente ditas ficaram minúsculas, muito menores que as dos outros times. Ali no entorno, a atenção aos detalhes levou ao desenvolvimento de retrovisores aerofólios. As peças são vazadas com pequenas asinhas. O Halo já apresenta sua cobertura aerodinâmica, bem similar à da Sauber, com o brasão Ferrari no meio.

Com as laterais espremidas ao máximo, sobram "quilômetros" de assoalho para trabalhar o downforce rumo ao difusor. No carro apresentado, contudo, a Scuderia escondeu frisos, ranhuras e demais detalhes que poderiam dar dicas aos concorrentes. Acima da fixação do câmbio, o SF71H exibe uma pequena asinha para coordenar os fluxos de ar do escapamento.

Um carro para vencer corridas e, quem sabe, dar aquele título que não vem desde 2007! Sebastian Vettel e Kimi Raikkonen agradecem.

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895