Bayern arranca empate com o RB Leipzig e mantém liderança do Alemão
patrocinado por

Bayern arranca empate com o RB Leipzig e mantém liderança do Alemão

Thomas Muller marcou duas vezes no 3 a 3

AE

Empate em 3 a 3 manteve Bayern na liderança

publicidade

O confronto entre os dois melhores times do Campeonato Alemão terminou com um eletrizante empate. Neste sábado, em uma partida com dois gols de Thomas Müller, Bayern de Munique e RB Leipzig empataram por 3 a 3, na Allianz Arena, em duelo válido pela décima rodada.

A igualdade manteve o Bayern isolado na dianteira, agora com 23 pontos. O RB Leipzig vem logo atrás, com 21, seguido por Borussia Dortmund e Bayer Leverkusen, ambos com 19. Porém, como o Leverkusen ainda vai entrar em campo nesta rodada, no domingo, quando visitará o lanterna Schalke 04, poderá saltar para a vice-liderança.

Mesmo atuando em casa, não foi fácil para o Bayern evitar a derrota, tanto que o início da partida foi dominado pelo RB Leipzig. Sabitzer acertou o travessão logo no segundo minuto, Nkunku perdeu boa chance aos 17, mas não aos 19. Ele recebeu passe de Forsberg, driblou Neuer e tocou para as redes.

Aos poucos, porém, o Bayern conseguiu assumir o controle do jogo. Quase empatou aos 28, não fosse a ótima defesa de Gulacsi em finalização de Pavard, mas logo conseguiu a virada. Aos 30, Musiala igualou o marcador ao bater da entrada da área. E o segundo veio aos 34, sendo marcado por Müller. Só que o Leipzig não se abateu. E empatou o duelo aos 36 minutos, em chute forte de Kluivert.

O Leipzig voltaria a ficar na frente do placar logo no começo do segundo tempo, aos 3, com o gol de cabeça de Forsberg, após levantamento de Angelino. Mas Müller voltou a aparecer aos 30 minutos, de cabeça. E, assim, conseguiu ao menos manter o Bayern na liderança isolada do Alemão.

Outros jogos

O Borussia Dortmund não consegue se encontrar no Campeonato Alemão. Havia perdido na rodada passada para o Colônia, em casa, por 2 a 1, e neste sábado não conseguiu ir além do empate com o Eintracht Frankfurt, fora de casa. Sem o artilheiro Haaland e com outros desfalques importantes, o time amargou o 1 a 1.

Já são sete temporadas sem sentir o gostinho da vitória em Frankfurt. A última aconteceu em 2013. Com o segundo tropeço seguido, o Dortmund deixou escapar a chance de encostar no Bayern.

O técnico Lucien Favre segue sem conseguir fazer o Borussia apresentar um bom futebol. Mesmo com jovens promissores e bons talentos individuais, casos de Sancho, Haaland, Reyna, Morey, Moukoko, Zagadou, Bellingham, e Passlack, seu esquema com três defensores não agrada e o time continua empacado. Desta vez, o treinador tem como justificativa o alto número de desfalques por lesão. Além de Haaland, Raphael Guerreiro, Akanji, Meunier, Delaney, Schmelzer e Reinier não atuaram.

Repleto de problemas na visita ao Eintracht, os visitantes viram Kamada abrir o marcador logo com nove minutos. Sem o artilheiro norueguês, coube a Reyna empatar. Com belo chute de fora da área, o meia norte-americano acertou o ângulo e igualou o marcador aos 11 do segundo. Mesmo com muito tempo para buscar a virada, o time não mostrou forças para quebrar o jejum de triunfos no Waldstadion.

O sábado ainda teve mais dois empates: Colônia 2 x 2 Wolfsburg e Freiburg 2 x 2 Borussia Mönchengladbach. Já o Arminia Bielefeld levou a melhor sobre o Mainz, ganhando por 2 a 1. 


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895