Festa do Fluminense campeão da América toma todo o Rio

Festa do Fluminense campeão da América toma todo o Rio

Torcedores destacam desforra 15 anos depois do sonho adiado contra a LDU

Felipe Uhr

Festa tricolor por todo o Rio

publicidade

Foi quando soou apito de Wilmar Rondan que finalmente o torcedor do Fluminense pode comemorar a tão sonhada taça Libertadores. O gol de John Kenney na prorrogação garantiu o título inédito ao clube brasileiro, 15 anos depois de ter sido adiado após a derrota nos pênaltis contra a LDU. "Agora estou de alma lavada", contou o tricolor Jorge Mafra.

Carioca, ele veio de Salvador, na Bahia, onde mora para assistir a partida junto do irmão Paulo, que veio de Joinville também só para a grande final. "Agora estou aliviado.", desabafou Paulo que estava no Maracanã naquele fatídico 2008.

Agora, só pensa no Mundial e na revanche contra a LDU pela Recopa Sul Americana, já que o time equatoriano é o atua campeão da Sul Americana. " O Mundial é mais difícil, mas temos o direito de sonhar", afirmou o torcedor com o sorriso estampado no rosto.

O jogo de 2008 agora ficou no passado. O Flu é campeão tendo também o artilheiro do campeonato, German Cano que, hoje, também deixou o seu.

 

Quem também  veio de longe foi o manauara Roberval Wilkens. Ele e o filho Rodrigo enfrentaram a distância para chegar ao Maracanã de Manaus e ver o Flu campeão. "Estivemos na derrota em 2008 E nas vitórias como em 2010 e 2012", lembrou Rodrigo. "Hoje vamos comemorar e daqui a pouco ir para a Laranjeiras", exaltou Roberval feliz da vida.

 


Mais Lidas

Confira a programação de esportes na TV desta terça-feira, 23 de abril

Opções incluem eventos de futebol e outras modalidades esportivas em canais abertos e por assinatura



Placar CP desta terça-feira, 23 de abril: confira jogos e resultados das principais competições de futebol

Acompanhe a atualização das competições estaduais, regionais, nacionais, continentais e internacionais

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895