Figueirense volta a atrasar salários de jogadores e funcionários
capa

Figueirense volta a atrasar salários de jogadores e funcionários

Pagamentos referentes ao mês de agosto ainda não foram depositados, mas jogadores seguem trabalhando normalmente

Por
AE

Apesar do novo atraso, jogadores trabalharam normalmente pensando no compromisso pela Série B

publicidade

Um velho problema voltou a assombrar o estádio Orlando Scarpelli. Os salários de jogadores e funcionários do Figueirense referentes ao mês de agosto ainda não foram pagos. O dinheiro deveria ter sido depositado no dia 6. O clube ainda não se posicionou sobre o assunto e nem deu prazo para o pagamento.

Enquanto isso, os jogadores e o técnico Vinícius Eutrópio seguem trabalhando normalmente visando o jogo de domingo, contra o Sport, em Florianópolis, pela 22ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Os atrasos salariais já trouxeram grandes problemas para o Figueirense nesta temporada, como greve de jogadores e até mesmo um W.O. diante do Cuiabá, pela 17ª rodada da Série B.

No dia 29 de agosto, a diretoria anunciou o pagamento de salários, direitos de imagens e ajudas de custo. Sem ganhar desde o dia 13 de julho - 4 a 0 sobre o América-MG -, o Figueirense acumula 12 jogos de jejum. A sequência negativa colocou o time na zona de rebaixamento da Série B, em 17º lugar, com 22 pontos.