“Acabaram com o Campeonato Brasileiro”, afirma Renato após derrota do Grêmio

“Acabaram com o Campeonato Brasileiro”, afirma Renato após derrota do Grêmio

Após derrota no Gre-Nal, técnico sugeriu usar equipe de transição no restante do campeonato

Correio do Povo

Renato Portaluppi mostrou indignação com o pênalti não marcado de Nonato sobre Ferreirinha e o marcado sobre Kannemann

publicidade

O técnico Renato Portaluppi reclamou bastante da arbitragem do paulista da Fifa, Luiz Flávio de Oliveira, e do árbitro de vídeo Wagner Reway após a derrota do Grêmio, por 2 a 1, para o Inter, de virada, com uma penalidade máxima nos descontos. Segundo o comandante gremista, a arbitragem errou ao marcar o pênalti de Kannemann e não dar o sofrido por Ferreira minutos antes.

“O árbitro do VAR deu o pênalti e prejudicou a equipe do Grêmio, e aí? O Luiz Flávio não teve a capacidade de olhar o VAR e tomar a decisão. O Grêmio foi de novo prejudicado pelo lance do VAR”, criticou. “Não foi pênalti e o cara do VAR deu. Isso prejudica o trabalho de todo um ano de um clube. O Inter está fazendo um belo Brasileiro, mas perder desta forma não dá”, reclamou o técnico.

Bastante incomodado com os lances decisivos do Gre-Nal, Renato afirmou que irá conversar com o presidente Romildo Bolzan para colocar a equipe de transição nas partidas a serem disputada no Campeonato Brasileiro. “Temos jogos importante contra o Flamengo e contra o São Paulo, que são equipes que brigam pelo Brasileiro, daí colocamos a transição e deixamos o VAR decidir o que é pênalti ou não. E vamos nos preparar para a final da Copa do Brasil. Ele (Wagner Reway) conseguiu acabar com o Brasileiro, pois quatro ou cinco clubes podiam disputar o título, mas devido a essa palhaçada de hoje, eu não sei”, disparou. “Se o presidente autorizar, a gurizada vai jogar na quinta-feira.”

O técnico do Grêmio ainda falou sobre o desempenho ruim do primeiro tempo e da reação gremista a partir da metade do segundo tempo. “Estava muito quente. Eu estava passando mal parado no lado de fora, imagina os jogadores. Quem tinha que pressionar era o Inter, que é o líder do campeonato. Ele não criou. No momento que o sol foi embora, o Grêmio começou a jogar, criar e fez o gol. Poderíamos sair com a vitória, mas esculhambaram o campeonato e, agora, não sei o que vai acontecer”, lamentou.

O Grêmio retoma os treinamentos na segunda-feira, às 16h. O próximo compromisso é contra o Flamengo, em jogo adiado da 23ª rodada do Brasileiro. A partida está marcada para quinta-feira, às 19h, na Arena.

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895