Cinco são presos por invadir a Arena na semifinal entre Grêmio e Flamengo
capa

Cinco são presos por invadir a Arena na semifinal entre Grêmio e Flamengo

Alguns fiscais chegaram a ser agredidos na entrada do estádio

Por
Correio do Povo

Arena recebeu mais de 50 mil pessoas

publicidade

Cinco homens, sendo quatro de um mesmo grupo, acabaram presos pela polícia e levados para o Juizado do Torcedor e Grandes Eventos (JTGE) por invadirem a Arena antes da partida do Grêmio contra o Flamengo, válido pela semifinal da Libertadores, na última quarta-feira. Todos aceitaram a proposta do juiz Marco Aurélio Martins Xavier de transação e deverão se apresentar em uma delegacia durante os próximos oito jogos em que o clube gaúcho atuar como mandante. Um vídeo que circula pela internet mostra, no mínimo, 10 homens forçando as catracas e agredindo os fiscais para acessar o estádio.

A empresa que administra a Arena irá aguardar as investigações para se pronunciar sobre o ocorrido. O Grêmio também aguarda o trabalho de identificação para saber se algum sócio participou da invasão e tomar as medidas cabíveis.

Outro torcedor aceitou a mesma sanção após ser preso acendendo um sinalizador no estádio. A última ocorrência registrada na Arena, conforme boletim de ocorrência, foi a tentativa de uma mulher entrar com quatro "sacolés" contendo gim, escondidos nas polainas. Por se tratar de bebida alcoólica, substância proibida nos estádios do Estado, foi conduzida ao JTGE. Pela conduta, foi determinado pelo juiz que ela será obrigada a assistir a oito sessões de um grupo de ajuda a dependentes químicos.