Elias brilha e Grêmio vence o Caxias na estreia do Gauchão
patrocinado por

Elias brilha e Grêmio vence o Caxias na estreia do Gauchão

Atacante marcou duas vezes e garantiu 2 a 1 do time de transição na Arena

Nicholas Lyra

Elias marcou os dois gols na vitória sobre o Caxias

publicidade

O grupo de transição do Grêmio até levou um susto, mas estreou com uma boa vitória no Campeonato Gaúcho de 2022, na noite desta quarta-feira na Arena. O Tricolor chegou a abrir dois de vantagem, viu o Caxias descontar, mas manteve o placar de 2 a 1 até o fim do confronto, para começar a competição com três pontos. Os dois gols do Tricolor foram marcados por Elias, destaque da partida até ser substituído. No primeiro tempo, contou com boa jogada de Rildo para anotar. Na etapa final, converteu o pênalti sofrido por ele. O gol de desconto do Caxias foi contra, de Heitor. 

O Grêmio volta a campo no sábado, quando enfrenta o Brasil de Pelotas. A partida, válida pela 2ª rodada do Gauchão, acontece no estádio Bento Freitas, ás 16h30min.

Grêmio encontra caminho pela esquerda

Com o time principal ainda em preparação, o Tricolor foi a campo com a equipe de transição. Nem o técnico Vagner Mancini esteve à beira do campo, e quem comandou foi Cesar Lopes. Algumas caras conhecidas do torcedor apareceram, como Rildo, Pedro Lucas e Elias. Do lado do Caxias, a estreia ficou por conta do técnico Rogerio Zimmernann que, durante muitos anos, comandou a equipe do Brasil de Pelotas. 

Apesar de finalizar logo na primeira descida ao ataque, o Grêmio encontrou dificuldades no início do confronto. Nos 15 minutos, o jogo começou truncado e, também por conta da chuva, pouco andou. Quem tomou a iniciativa nos momentos iniciais foi justamente o time visitante, indo mais à frente e com a marcação mais ajustada, impedindo ações mais contundentes do Tricolor. Nas poucas vezes em que tentou acelerar a transição, acabou errando muitos passes, e não conseguia as conexões entre meio-campo e ataque, para envolver a marcação. Investia principalmente pela direita, mas sem sucesso..

Foi só mudar o lado para o ataque encaixar. Chegou ao gol graças a boa jogada de Rildo pela esquerda. Ele driblou dois marcadores do Caxias em velocidade, invadiu a área e cruzou rasteiro para Elias. Bem colocado, o centroavante bateu de primeira para tirar de Marcelo Pitol e fazer 1 a 0, aos 32 minutos.

Com a vantagem no placar, o Grêmio teve mais tranquilidade para trabalhar a bola. Com isso, os volantes também passaram a ter mais espaço e, assim, melhoraram a atuação e voltaram a acertar passes. Apesar de novas boas investidas pela esquerda, sempre com Rildo, o Grêmio não criou mais boas chances, e a partida foi ao intervalo com o placar de 1 a 0.

Elias volta a marcar, mas Grêmio leva susto

Mais tranquilo graças à vantagem, o Grêmio iniciou o segundo tempo melhor. E, também por isso, chegou ao segundo gol, aos 9 minutos. Após acelerar a jogada pela direita, a bola foi para Elias, acionado em profundidade dentro da área. Ao tentar puxar, sofreu uma rasteira, e Vuaden assinou corretamente a penalidade. Ele mesmo cobrou, numa batida forte, alta, sem chances para Pitol, anotando o segundo na partida.

Com a desvantagem de dois gols no placar, o Caxias precisou se soltar ao ataque para tentar buscar ao menos um empate. Assim, foi a vez do goleiro Felipe aparecer. Em dois minutos, fez duas boas defesas para evitar que a equipe Grená descontasse. Primeiro, França fez jogada pela esquerda e bateu, e o goleiro espalmou. Na sequência, Diogo Sodré, que havia acabado de entrar, fez o pivô e girou, obrigando o goleiro a cair para defender.

O Caxias agredia mais o Grêmio (chegou a ter quatro escanteios em sequência em um momento de pressão) e o técnico Cesar Lopes fez modificações para reforçar a marcação da equipe. Tirou jogadores importantes de frente - também por cansaço - como Elias e Rildo, e colocou em campo Matheus Frizzo e Gui Azevedo.

A pressão na bola aérea, e com escanteios em sequência, finalmente deu resultado aos 29 minutos da etapa final. Em mais uma bola fechada na área, a defesa do Grêmio bateu cabeça. O goleiro Felipe Scheibig socou a bola nas costas do zagueiro Heitor. Ela foi lentamente para o gol e, nem a tentativa de tirá-la de dentro evitou que cruzasse a linha e fosse anotado o gol de desconto do Caxias, dando emoção aos minutos finais.

Para garantir a manutenção da vitória, o Grêmio optou por valorizar a posse de bola e, quando possível, explorar os contra-ataques. Não chegou a correr riscos e, assim, manteve o placar em 2 a 1 para garantir estreia com vitória no Estadual de 2022. 

Campeonato Gaúcho - 1ª rodada

Grêmio 2

Felipe Scheibig; Felipe Albuquerque, Ericson, Heitor e Guilherme Guedes; Jhonata Varela, Bitello (Gazão), Pedro Lucas, Rildo (Gui Azevedo) e Vini Paulista (Matheus Frizzo); Elias Manoel (Wesley). Técnico: Cesar Lopes 

Caxias 1

Marcelo Pitol; Marcelo, Rafael Dumas, Thiago Sales e Rennan Siqueira (Jonathan); Amaral, França, Davi Lopes (Chico Vidaletti) e Renan Oliveira (Diogo Sodré); Matheuzinho (Willian) e Giovane Gomez (Batista). Técnico: Rogerio Zimmermann 

Gols: Elias (32/1T, 9/2T); Heitor (contra) (29/2T)

Cartões amarelos: Davi Lopes (Caxias)

Arbitragem: Leandro Vuaden

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)

Data e hora: 26/01, às 19h


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895