Grêmio oficializa saída de Renato e Bolzan fala em necessidade de "caminhos novos"

Grêmio oficializa saída de Renato e Bolzan fala em necessidade de "caminhos novos"

Técnico da transição, Tiago Gomes, irá comandar a equipe pelo menos nos próximos dois jogos

Correio do Povo

Renato deixa o Grêmio após mais de quatro anos

publicidade

O Grêmio oficializou a saída de Renato Portaluppi do comando técnico da equipe, na tarde desta quinta-feira. O anúncio foi feito por meio de uma nota oficial, com um pronunciamento do presidente Romildo Bolzan Júnior. De acordo com o dirigente, o acerto para o desligamento do profissional foi em comum acordo. Junto com Renato, deixam o clube os auxiliares Alexandre Mendes e Victor Hugo Signorelli. 

Conforme Bolzan, ao menos nas próximas duas partidas, o Grêmio será comandado pelo técnico da transição, Tiago Gomes. “A partir da semana que vem o Grêmio estará estudando para fazer o anúncio (da nova comissão técnica). O Grêmio vai organizar a sua situação”, afirmou o presidente gremista, que agradeceu a Renato, desejando-lhe sorte na carreira.

Ídolo como jogador, Renato é o técnico mais longevo da história do Grêmio. Apenas nesta passagem, iniciada em 2016, ele esteve na casamata em 307 partidas e conquistou uma Copa do Brasil, uma Libertadores, uma Recopa Sul-Americana e três edições do Gauchão. 

“O Grêmio só tem a agradecer ao treinador e à comissão técnica que sai com ele. Na vida chegam momentos que há necessidade de se tomar caminhos novos. E os caminhos novos vão na perspectiva de desejar ao Renato grande sucesso no que virá pela frente, assim como o Grêmio também continuará sua trajetória”, afirmou o dirigente. 

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895