Maicon se despede do Grêmio: "Saio com a cabeça erguida"

Maicon se despede do Grêmio: "Saio com a cabeça erguida"

Pelas redes sociais, capitão tricolor agradeceu ao clube, companheiros e torcida

Correio do Povo

Capita deixa o clube com 248 jogos, 15 gols e 19 assistências.

publicidade

Após anunciar sua rescisão com o Grêmio, o agora ex-capitão Maicon se despediu do clube em um vídeo divulgado nas redes sociais. O jogador, que estava desde 2015 no Tricolor, era uma das principais lideranças do vestiário gremista, que conquistou a Copa do Brasil, em 2016, e a Libertadores, em 2017. Na carta, o jogador garantiu que sai de cabeça erguida e recordou bons momentos vividos no clube. 

"Como é bom lembrar de 2015, quando fui agraciado por Deus para desembarcar em Porto Alegre para vir defender as cores deste clube que se tornou minha segunda casa", escreveu. "Poucas pessoas na vida podem se dizer realizadas e eu tenho esse privilégio, pois ser Grêmio é uma realização que poucos podem ter, e sentir nossa Arena pulsando é algo que nunca vai sair das minhas lembranças", completou".

Veja Também

O volante de de 35 anos reforçou que o "caráter" e o "profissionalismo sempre estiveram com ele ao longo dos sete anos de Grêmio. "Se falhei alguma vez, fica meu pedido de desculpa! Mas saibam que em cada treino, em cada jogo e em cada segundo que representei esse manto eu o fiz com muito amor e com sangue, sangue azul", acrescentou.

Apesar do episódio do último jogo contra o Corinthians, Maicon salientou que deixa o clube de "cabeça erguida", respeitando a instituição Grêmio em todos os momentos.

"Melhor para ambos", diz empresário

Em entrevista ao programa Repórter Esportivo, da Rádio Guaíba, o empresário do jogador, Jorge Machado, afirmou que a decisão de rescindir o contrato de maneira antecipada foi tomada em comum acordo pelo jogador e pela direção do Grêmio.

Machado foi questionado do "timing" da rescisão. Ídolo e capitão, Maicon é um atleta influente no vestiário e poderia ser uma liderança importante na luta para evitar o rebaixamento gremista no Brasileirão.

"Isso já vem se conversando e já se sabia há um certo tempo. Não tínhamos tido essa conversa. Pela manhã desta segunda e ontem conversamos, na tarde conversei com o Grêmio. Maicon sabe muito bem que é um líder e ele mesmo achou que pelo que ele tá passando e o que representa dentro do vestiário, ele não estaria em um momento legal para seguir ajudando", explicou.

Em toda sua passagem, foram 248 jogos, 15 gols e 19 assistências. Além dos títulos da Libertadores e da Copa do Brasil, o atleta venceu a Recopa Sul-Americana, quatro edições do Gauchão e duas Recopas Gaúchas. 

Confira o comunicado completo:

Hoje é um daqueles dias que, pra mim, é impossível expressar os sentimentos em palavras ou até mesmo num texto. Mas não poderia deixar de vir aqui deixar um recado para todos que, assim como eu, também são apaixonados pelo nosso Grêmio. Pois é! Assim que começo essa minha carta de despedida de vocês: minha família tricolor!

Ah! Como é bom lembrar de 2015, quando fui agraciado por Deus para desembarcar em Porto Alegre para vir defender as cores desse clube que se tornou minha segunda casa. Poucas pessoas na vida podem se dizer realizadas e eu tenho esse privilégio, pois ser Grêmio é uma realização que poucos podem ter, e sentir nossa Arena pulsando é algo que nunca vai sair das minhas lembranças.

Meu caráter e meu profissionalismo sempre estiveram ao meu lado nesses quase 7 anos que aqui estive. Sempre briguei por essas cores, dei meu máximo por esse clube e me entreguei para buscar o melhor para nossa imensa torcida. Se falhei alguma vez, fica meu pedido de desculpa! Mas saibam que em cada treino, em cada jogo e em cada segundo que representei esse manto eu o fiz com muito amor e com sangue, sangue azul!

Saio com a cabeça erguida de ter conquistado 9 títulos, feito quase 250 jogos, vencido 9 GREnais, mas acima de tudo respeitado essa instituição em todos os momentos. Aqui fiz amigos, ou melhor, formei uma família de pessoas especiais que levarei no meu coração para sempre. Funcionários do clube, direção, atletas, parceiros e torcida gremista, a todos vocês minha eterna gratidão por tudo que vocês me deram ao longo de todo esse tempo que estive aqui.

Enquanto escrevo essas linhas, um filme se passou na minha cabeça, filme de uma história que se eternizou no meu coração para sempre. Torcida tricolor, eu sempre serei um de vocês e para onde eu for e o que eu fizer eu levarei todos marcados na minha pele. Tenham a certeza de que torcerei incansavelmente por este clube tão especial na minha vida!

Obrigado, GRÊMIO!

 

 


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895