Pai do atacante do Grêmio Ricardinho morre em decorrência da Covid-19

Pai do atacante do Grêmio Ricardinho morre em decorrência da Covid-19

Jovem comemora os gols com uma continência em homenagem a Ricardo Viana, que era policial militar

Correio do Povo

Ricardo Viana morreu em decorrência da Covid-19

publicidade

O pai do atacante gremista Ricardinho morreu em decorrência das complicações geradas pela Covid-19. A informação foi divulgada com postagens do Grêmio lamentando a morte de Ricardo Viana.

Muito ligado ao pai, que era soldado do Batalhão de Choque da Polícia Militar de São Paulo, Ricardinho costuma comemorar os gols fazendo o sinal de continência em homenagem a ele. O atacante marcou quatro tentos nos sete jogos que fez entre os profissionais.

“Nos solidarizamos com toda a família e amigos, desejando força para superar este momento. Esta doença já nos levou inúmeras vidas, por favor, se cuide”, publicou o Grêmio na mensagem.

Ricardinho ganhou folga de três dias para ficar próximo do família, que é do interior de São Paulo.

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895