Paulo Luz admite consulta do Grêmio por Gaston Ramírez, mas considera contratação muito difícil

Paulo Luz admite consulta do Grêmio por Gaston Ramírez, mas considera contratação muito difícil

Vice-presidente de Futebol também deu mais detalhes sobre o acerto com Diego Churín, que deve chegar nesta sexta à Porto Alegre

Correio do Povo

Gaston Ramírez tem diversas passagens pela seleção do Uruguai

publicidade

Depois do técnico Renato Portaluppi confirmar o acerto do Grêmio com o atacante argentino Diego Churín e revelar que o clube negociava com um meia, foi a vez do vice-presidente de Futebol, Paulo Luz, dar mais detalhes sobre a movimentação gremista nesta janela de transferências. 

Segundo o dirigente, entre um dos nomes especulados, está sim o do meia uruguaio, Gaston Ramírez, de 29 anos, que atualmente está na Sampdoria, da Itália. “É uma possibilidade, uma contratação de conclusão muito difícil. Estamos trabalhando com muito afinco, mas também com outros nomes. Assim que fecharmos, se tudo der certo, iremos anunciar para a torcida tricolor. Nosso foco está em disponibilizarmos ao nosso treinador um meia armador”, disse Luz em entrevista coletiva nesta sexta-feira. 

A informação do interesse, inclusive surgiu primeiro na mídia italiana, que noticiou o começo das tratativas entre o Tricolor e o atleta. Ainda que reconheça a necessidade de reforçar o setor do meio-campo, o dirigente enfatizou a importância de recuperar a condição física de Jean Pyerre, um dos titulares da posição. “É um diamante do clube, extraclasse. Está passando por algumas dificuldades. Estamos trabalhando de maneira unificada para colocar o atleta à disposição, com segurança, para o Renato utilizar.”

Com tudo fechado, o vice de Futebol detalhou o acerto com o atacante Churín, que é aguardado no começo desta noite em Porto Alegre para fazer os exames e assinar o contrato. “Nós adquirimos 80% dos direitos econômicos do Churín. O contrato é de 2 anos, podendo ter renovação automática dependendo da performance em campo”, explicou. 

Veja Também

 


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895