capa

Renato confia na classificação com "Grêmio vibrante e competitivo"

Técnico afirma que "se garante" ao prometer avanço na Libertadores com esta postura do grupo

Por
Correio do Povo

Treinador destacou golaços de Everton que definiram partida

publicidade

O técnico Renato Portaluppi lembrou nesta terça-feira das repetidas promessas, mesmo após a derrota para o Libertad na Arena, de que o Grêmio vai avançar na Libertadores. "Foi um time vibrante, valorizou a posse de bola, valente e competitivo. Quando joga dessa forma, eu me garanto", destacou após a vitória sobre os paraguaios.

Ele lembrou que, mesmo nos momentos ruins, viu aspectos positivos e que permitiriam a recuperação. "É a confiança que sempre tive no meu grupo. Mesmo depois de uma derrota eu afirmei que iria classificar", frisou. "Ainda não estamos lá, mas o Grêmio vai depender de si próprio, na frente da torcida para avançar", projetou.

"Meu grupo é maravilhoso e não é por nada que em 30 meses ganhamos seis títulos", reforçou o comandante gremista. "O Grêmio cresce muito nas horas de decisão. Toda vez que joga e compete, é um time difícil de ser batido", analisou Renato. "Sei que muita gente esta secando nosso grupo, mas o Grêmio está vivíssimo e vamos decidir a vaga dependendo só da gente contra o Universidad Católica."

Sobre a partida, Renato fez grandes elogios ao primeiro tempo, mas pediu um pouco mais de atenção pelo começo da segunda etapa. "Demoramos um pouco no começo para definir as jogadas e as finalizações. Mas saiu o gol e estávamos bem", apontou. "Depois, talvez tenha tido uma pequena relaxada e eles foram mais perigosos. A nossa equipe recuou um pouco, o adversário cresceu", avaliou.

Mas na dificuldade, o Tricolor tinha um fora de série. "Tem que dizer: dois golaços do Everton, não é por nada que está na Seleção", exaltou Renato.