Renato reconhece Grêmio "perdido" no 1º tempo e exalta melhora após o intervalo

Renato reconhece Grêmio "perdido" no 1º tempo e exalta melhora após o intervalo

Técnico ressaltou que não torcerá por resultados paralelos, pois o Tricolor depende "só de si para classificar"

Correio do Povo

Grêmio chegou aos dez pontos no Grupo E

publicidade

Com a vitória de 2 a 0 em cima da Católica e a classificação do Grêmio encaminhada na Libertadores, o técnico Renato Portaluppi reconheceu que sua equipe esteve abaixo durante os primeiros 45 minutos, mas exaltou a melhora da sua equipe na volta do intervalo e o bom aproveitamento ofensivo no jogo.

"Estávamos um pouquinho perdidos no primeiro tempo. Fomos bem porque fizemos o gol no início do segundo tempo. Eles deixaram espaço logo depois do gol. Nos protegemos, apareceu outro espaço e fizemos outro gol (...) demos muito espaços para eles, principalmente pela nossa falta de entrosamento. Mudamos nossa maneira de jogar, não demos mais espaços. Eles jogaram muito tranquilamente anteriormente. Com o gol, tivemos tranquilidade", afirmou em coletiva após a partida. 

Renato ressaltou que não irá torcer por nenhum resultado paralelo e sublinhou o desejo do Tricolor em chegar como primeiro chave E. "O Grêmio depende só de si. Nós tínhamos que fazer a nossa parte. São quatro grandes equipes na chave. O mais importante é que não dependemos de ninguém. Fomos aos 10 pontos. Queremos chegar no primeiro lugar, independente do outro classificado", disse. 

Tendo Pepê novamente como um destaque do jogo, o treinador gremista afirmou que o jogador já estava pronto para assumir o protagonismo do time. "Ficamos felizes pois estamos descobrindo os garotos. O Pepê já estava pedindo espaço, vinha rendendo. Isso é fruto do trabalho do profissional com a base. Nosso grupo é bom, grande. Todos têm ajudado, não só o Pepê, mas outros garotos", avaliou. 


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895