Torcedores do Grêmio protestam no CT Luiz Carvalho e se encontram com a direção

Torcedores do Grêmio protestam no CT Luiz Carvalho e se encontram com a direção

Grupo cobrou dirigentes, jogadores e a comissão técnica nesta quinta-feira

Correio do Povo / Rádio Guaíba

Três torcedores foram recebidos pelos dirigentes

publicidade

Após o sexto jogo sem vencer e a lanterna do Brasileirão, torcedores do Grêmio protestaram, na tarde desta quinta-feira, na frente do Centro de Treinamento Presidente Luiz Carvalho, além de cobrarem dirigentes, jogadores e a comissão técnica. De acordo com o repórter Rafael Pfeiffer, da Rádio Guaíba, três torcedores acessaram o local e se encontraram com a direção. No geral, a manifestação foi pacífica. 

Com somente dois pontos somados, a equipe gremista tem menos de 12% de aproveitamento, o pior entre todos os clubes, e não vence há sete jogos. Este começo, aliás, é o pior da história tricolor desde que os pontos corrridos foram implementados, em 2003.

Apesar da pressão, o técnico Tiago Nunes segue no comando do Tricolor, pelo menos até domingo, quando encara o Atlético Goianiense, na Arena, às 20h30min. Depois da derrota na quarta-feira, os bastidores “ferveram”, mas tanto o vice-presidente de Futebol, Marcos Hermann, quanto o presidente Romildo Bolzan Júnior, garantiram a permanência e salientaram a importância do triunfo para que a sequência do trabalho – que é “fantástico no dia a dia”, segundo Romildo – siga.  

Internamente, a avaliação é que uma mudança radical precisa ocorrer para que o comandante não seja alterado, de acordo com Pfeiffer. Por isso, o Tricolor deve ter muitas mudanças no time que irá a campo contra o Dragão, como as entradas dos jovens Fernando Henrique, Vanderson e Ricardinho e as saídas de Matheus Henrique, Rafinha e Diego Souza. 

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895