Barcellos pede foco do Inter no campo e vê atrito com diretoria do Flamengo como "página virada"

Barcellos pede foco do Inter no campo e vê atrito com diretoria do Flamengo como "página virada"

Presidente do clube declarou que "tempo de provocações" no futebol já passou e que protagonistas são jogadores e comissão técnica

Correio do Povo / Rádio Guaíba

Barcellos garantiu que atrito com Flamengo é página virada

publicidade

Ao menos para a presidência do Inter, o atrito com a diretoria do Flamengo é "página virada". Foi o que declarou o presidente do clube, Alessandro Barcellos, em entrevista à Rádio Guaíba nesta quarta-feira. 

De acordo com ele, o tempo de "bravatas e provocações" no futebol já passou, e pediu que a atenção fique nos verdadeiros protagonistas: jogadores e comissões técnicas. "Os dirigentes precisam garantir que as coisas funcionem, e que os responsáveis pelo futebol consigam trabalhar. Por isso, o assunto é página virada", assegurou.

Segundo ele, quem perde é o Flamengo, com uma imagem arranhada pela arrogância. Garantiu que o Inter está focado no adversário, com preparação total feita a semana inteira por Abel Braga. "Os jogadores estão mobilizados, vamos fazer o melhor possível. O que vale é dentro de campo, e queremos dar a resposta nas quatro linhas", projetou.

Questionado sobre a presença de Rodinei, cuja atuação contra o Flamengo depende do pagamento de cláusula de R$ 1 milhão, já que o passe pertence ao Flamengo, Barcellos despistou e garantiu que a decisão é da comissão técnica. Mas frisou que o lateral, e até mesmo jogadores que não podem atuar, como Cuesta, suspenso, e Boschillia, lesionado, tem participado de toda a preparação, garantindo um ambiente muito bom de vestiário, com todos presentes.

O Inter enfrenta o Flamengo no domingo, às 16h, em confronto direto pelo título. A partida, válida pela 37ª rodada do Brasileirão, acontece no Maracanã.

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895