Fim da janela europeia aumenta suspense no Inter

Fim da janela europeia aumenta suspense no Inter

Yuri Alberto e Bruno Méndez foram sondados por clubes do velho continente

Fabrício Falkowski

Fim da janela europeia aumenta suspense no Inter

publicidade

Em dez dias, a janela de transferências para as principais ligas europeias se encerra. A princípio, o Inter, apesar de sua crise financeira, não perdeu peças importantes. A tendência é que essa realidade se mantenha até o fim de agosto, mas sondagens já foram feitas por alguns jogadores, o que deixa os dirigentes em suspense. Yuri Alberto, que é do Inter, e Bruno Méndez, que pertence ao Corinthians, estão na mira de clubes europeus.

Desde o início da temporada, o Inter negociou três jogadores. O principal foi Praxedes, vendido para o Bragantino por cerca de R$ 35 milhões no início de julho. Depois, o lateral Vinícius Tobias teve os direitos vendidos para o Shakhtar Donetsk por cerca de R$ 45 milhões, dos quais pelo menos dois terços já ingressaram nos cofres colorados.

Veja Também

Uma segunda parcela entra em fevereiro, quando o jogador completa 18 anos e embarca para se apresentar na Ucrânia, além de uma terceira, que será paga caso Tobias alcance metas de rendimento estipuladas no contrato. Para completar, o clube recebeu cerca de R$ 1 milhão da venda de Charles ao FC Midtjylland, da Dinamarca. O volante estava no Ceará.

Ou seja, o clube está próximo de alcançar a meta estipulada no orçamento com a venda de jogadores, que é de R$ 90 milhões, sem mexer no time titular. A ideia é manter-se desta forma.
Por isso, o presidente Alessandro Barcellos confirmou há duas semanas que já recusou algumas ofertas por Yuri Alberto. Embora não fale publicamente sobre o assunto, é consenso entre os dirigentes que o centroavante, que marcou quatro gols nos últimos dois jogos do Inter, vale pelo menos 15 milhões de euros. 

O zagueiro Bruno Méndez, por sua vez, pertence ao Corinthians, que aceitou emprestá-lo ao Inter sem custos. O jogador desembarcou, ganhou a titularidade e, junto com Victor Cuesta, emprestou à defesa uma solidez não vista nos meses anteriores. Agora, o Atlético de Madrid acena com a possibilidade de fazer proposta ao Corinthians. Se isso se confirmar, o Inter teria que pagar U$S 3,5 milhões ao Corinthians para comprar os direitos de Bruno Mendéz caso queira mantê-lo.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895