Inter encara o Fortaleza no adeus de D'Alessandro ao futebol
Correio do povo Logo

Receba as principais notícias do Inter no seu WhatsApp

Inscrever-se WhatsApp Logo

Inter encara o Fortaleza no adeus de D'Alessandro ao futebol

Ídolo colorado irá encerrar sua carreira nesta noite, no estádio Beira-Rio, às 18h

Fabrício Falkowski

Meia atuou pela penúltima vez contra o Guaireña pela Sul-Americana

publicidade

Os 528 jogos, 96 gols e 13 títulos conquistados ao longo de 14 anos mereceriam uma despedida melhor, pelo menos mais proporcional à folha de serviços prestados. Mas o capítulo final da história de D’Alessandro no Inter, marcado para a tarde deste domingo, às 18h, no Beira-Rio, conterá, além de emoção da separação, pinceladas de crise - O técnico Alexander Medina foi demitido após o empate na Sul-Americana - e uma enorme pressão pela vitória. Em resumo, a partida contra o Fortaleza não será tão festiva assim. 

- Acompanhe Inter x Fortaleza em tempo real pelo Brasileirão

Não está definido se D’Alessandro começa como titular ou se entra depois, no decorrer da partida. É certo que passará pelo campo, até para receber as homenagens da torcida. Ele chegou ao Inter em 2008 e, com exceção de duas saídas para o River Plate, em 2016, e para o Nacional, no ano passado, construiu uma trajetória marcada por grandes conquistas, como uma Libertadores e uma Copa Sul-Americana, e alguns fracassos, como o Mundial de 2010, quando o time colorado perdeu na semifinal para o Mazembe.

Aos 41 anos, ele ganhou um contrato de quatro meses exatamente para despedir-se da torcida, já que em 2020, quando ele deixou o clube e foi para o Nacional, a pandemia havia retirado o público dos estádios. Quando ele acertou a sua volta ao clube, em dezembro, a perspectiva era boa, já que o rival histórico estava em crise, afundado na segunda divisão.

O sonhado título do Gauchão, que seria o oitavo de D’Alessandro pelo Inter, não veio. No lugar da taça, D’Alessandro, em seus derradeiros momentos com a camisa colorada, viveu uma sucessão de tropeços e crises, que culminaram com a demissão de Cacique Medina, na tarde desta sexta-feira. Depois de perder para o Atlético Mineiro na estreia do Brasileirão, o Inter precisa dos três pontos hoje diante do Fortaleza. O interino Cauan Almeida é quem estará na casamata. 

Campeonato Brasileiro - 2ª rodada

Inter

Daniel; Bustos, Bruno Méndez, Mercado e Renê (De Pena); Gabriel, Liziero; Mauricio, Taison, De Pena (Caio Vidal ou Edenilson); Wesley Moraes. Técnico: Cauan de Almeida (interino).

Fortaleza

Max Walef; Tinga, Benevenuto, Titi; Pikachu, Zé Welison , Hércules, Lucas Lima, Juninho Capixaba; Moisés e Robson. Técnico: Juan Pablo Vojvoda.

Arbitragem: Flavio Rodrigues de Souza (SP)
Assistentes: Daniel Luis Marques e Evandro de Melo Lima (SP)
VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)
Data e hora: 15 de abril, domingo, às 18h. 
Local: Estádio Beira-Rio, Porto Alegre (RS). 


Mais Lidas

Confira a programação de esportes na TV desta terça-feira, 23 de abril

Opções incluem eventos de futebol e outras modalidades esportivas em canais abertos e por assinatura



Placar CP desta terça-feira, 23 de abril: confira jogos e resultados das principais competições de futebol

Acompanhe a atualização das competições estaduais, regionais, nacionais, continentais e internacionais

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895