Inter mira ganho financeiro nos últimos jogos do Brasileirão
Correio do povo Logo

Receba as principais notícias do Inter no seu WhatsApp

Inscrever-se WhatsApp Logo

Inter mira ganho financeiro nos últimos jogos do Brasileirão

Ordem no Beira-Rio é buscar a melhor posição possível na competição

Fabrício Falkowski

publicidade

Alijado há muito tempo da disputa das primeiras posições, mas agora livre do risco de um novo rebaixamento, o Inter jogará, a partir de agora e até a derradeira rodada do Campeonato Brasileiro, também por dinheiro. Afinal, a cada posição que o time colorado ganha na tabela de classificação, aumenta a premiação que o clube receberá no final da competição. Por isso, depois de vencer o RB Bragantino, domingo, no Beira-Rio, por 1 a 0, a busca por mais pontos segue amanhã, quando a equipe montada por Eduardo Coudet volta a campo para enfrentar o Cuiabá, na Arena Pantanal.

O campeão brasileiro colocará R$ 45 milhões de premiação no cofre. Mas o Inter não luta mais por isso, embora cada posição conte. Antes da rodada do final de semana, o time colorado estava na 13ª posição e, se finalizasse ali o Brasileirão, ganharia R$ 16,6 milhões da CBF. Como venceu o seu jogo e subiu dois postos, aumentou o prêmio para R$ 19,3 milhões. Ou seja, R$ 2,7 milhões a mais. Por isso, a ordem, ratificada por Coudet, é continuar subindo.

“A minha cabeça já pensa no jogo contra o Cuiabá. Vamos olhar quem estar melhor, quem está bem para jogar. Vamos tratar de ganhar novamente. Sempre temos que ganhar”, afirmou o técnico, após a vitória sobre o RB Bragantino que matematicamente livrou o Inter do rebaixamento. “A gente olha objetivos curtos e tentamos ganhar. Eu quero fechar o Brasileirão conquistando o maior número de pontos possíveis”, finaliza.

Os jogadores colorados se reapresentaram ontem à tarde no Beira-Rio para um treino leve. Hoje, Coudet orienta um último treino antes da viagem para Cuiabá, local da partida de amanhã. O técnico ainda não sabe se poderá contar com Vitão e Enner Valencia, que foram substituídos durante a partida devido a problemas musculares.

Após o jogo, Coudet disse que acreditava na possibilidade de contar com os dois jogadores amanhã. “Acho que não romperam. Mas não quero falar nada porque não sou médico. Pode ser fadiga. Mas quando um jogador pede a troca e ainda consegue correr, não rompeu, mas não sei se estarão à disposição”, disse. Em compensação, ele contará com as voltas de Alan Patrick e Aránguiz, cujas ausências obrigaram o técnico a alterar o esquema para a partida contra o RB Bragantino.


Mais Lidas

Confira a programação de esportes na TV deste domingo, 3 de março

Opções incluem eventos de futebol e outras modalidades esportivas em canais abertos e por assinatura



Placar CP desta segunda-feira, 4 de março: confira jogos e resultados das principais competições de futebol

Acompanhe a atualização das competições estaduais, regionais, nacionais, continentais e internacionais

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895