Inter não deve renovar contrato de Cesinha, capitão da conquista da Copa SP

Inter não deve renovar contrato de Cesinha, capitão da conquista da Copa SP

Atleta treinou com os profissionais, não aprovou e retornou para a base

Correio do Povo

Cesinha foi o capitão do time do Inter que conquistou a Copa São Paulo no começo do ano

publicidade

O capitão da equipe do Inter que conquistou a Copa São Paulo em janeiro, o meia Cesinha, não deve permanecer no clube após o final do ano. Ele tem contrato de empréstimo com o Colorado até o último dia de dezembro e depois a direção teria que pagar um valor de cerca de R$ 600 mil para ficar com 50% dos direitos econômicos do atleta de 20 anos. Entretanto, depois que quase três meses de trabalhos com os profissionais sem aprovar, os dirigentes consideram difícil que ele seja contratado em definitivo.

“O Cesinha esteve no grupo de cima e acabou, talvez, não preenchendo algumas expectativas que foram criadas em cima dele. Tomamos uma decisão baseada no campo, (na opinião) da comissão técnica e do departamento de futebol. Não tem nenhuma polêmica em cima disso. Não tem nada demais em relação ao empresário. Teríamos que fazer alguns investimentos e optamos por priorizar outras situações dentro do ambiente do nosso vestiário e do grupo de jogadores”, revelou o vice-presidente Alexandre Chaves Barcellos.

Segundo veículos do Rio de Janeiro, o Botafogo seria um dos clubes interessados no atleta que levantou a taça da Copa São Paulo, a quinta na história do Colorado.

Veja Também

Contratações

Apesar das muitas lesões, problemas com a Covid-19 e do “grupo curto”, como sempre diz técnico Eduardo Coudet, a direção do Inter não pretende fazer novas contratações para o restante da temporada, que termina em fevereiro de 2021.

“O Inter está sempre aberto para eventuais oportunidades, mas a nossa questão financeira nos traz dificuldades para cometermos alguma aventura no mercado. A tendência é que o grupo seja esse. Foi muito importante conseguir manter esse grupo que nos trouxe até aqui”, concluiu o dirigente.

O Inter volta aos gramados no domingo, às 18h15min, no Beira-Rio, para enfrentar o Vasco da Gama. O Colorado ocupa a segunda colocação do Brasileirão com 31 pontos, mesma pontuação do líder Atlético-MG, mas com um jogo a mais.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895