Melo vê empate justo e reclama do comportamento de Renato Portaluppi
capa

Melo vê empate justo e reclama do comportamento de Renato Portaluppi

Dirigente do Inter ainda fez críticas ao árbitro Leandro Vuaden

Por
Cristiano Munari

Técnico do Grêmio discutiu com Victor Cuesta

publicidade

O vice de futebol do Inter, Roberto Melo, considerou justo o empate por 0 a 0 no primeiro Gre-Nal da final do Campeonato Gaúcho neste domingo no Beira-Rio. Durante a coletiva, porém, o que mais chamou atenção foram as reclamações do dirigente sobre o comportamento do técnico gremista Renato Portaluppi e da arbitragem de Leandro Vuaden.

“É absurdo que a arbitragem permita que o Renato faça o que quiser. Ele pode invadir o vestiário, entrar no campo. Penso que o quarto árbitro estava com medo dele. Achei absurdo o comportamento dele. Mais absurdo ainda foi isso ter sido permitido pela arbitragem”, disse Melo, que reclamou ainda da discussão de Renato Portaluppi com Victor Cuesta durante o primeiro tempo.

“Ele não tem que falar com o jogador do Inter. Ele tem que falar com o jogador dele. Pelo menos hoje ele não quis invadir o nosso vestiário, da última vez que veio aqui ele fez isso”, completou.

Roberto Melo reclamou ainda em relação à arbitragem pela não expulsão de André no lance avaliado pelo árbitro Leandro Vuaden no VAR. “Penso que mais uma vez a arbitragem foi muito ruim, muitas vezes picotando o jogo. É um juiz que já teve características de deixar o jogo seguir, mas que acho para muito o jogo. Isso favorece a quem está querendo trancar o jogo e levar o empate. Não sei para o que serve o VAR se ele assiste a um lance como aquele do André e não expulsa o jogador. Não sei o motivo  daquela ‘papagaiada’”, reclamou.

Em relação ao jogo, Melo avaliou que, apesar do equilíbrio, o Inter mereceu mais a vitória que o Grêmio. “O jogo foi equilibrado. O Grêmio veio com a estratégia de levar a decisão para o segundo jogo, acho que buscou o empate durante todo o tempo. Acho que as melhores chances de gol foram nossas. Não lembro do Lomba ter feito alguma defesa no primeiro tempo. O goleiro deles fez duas defesas importantes. O empate é um resultado justo, mas, se tivesse que haver um vencedor, seria o Inter”, avaliou.