Jogadores do Santos testam positivo para a Covid-19 e ficam em isolamento na Argentina

Jogadores do Santos testam positivo para a Covid-19 e ficam em isolamento na Argentina

Goleiro John e o zagueiro Wagner Leonardo aguardam uma definição de como voltarão para o Brasil

Correio do Povo

Goleiro John e zagueiro Wagner Leonardo ficaram na Argentina após testar positivo para a Covid-19

publicidade

O goleiro John e o zagueiro Wagner Leonardo testaram positivo para Covid-19 depois do empate do Santos em 0 a 0 com o Boca Juniors, pela semifinal da Libertadores, revelou o Diário Olé, da Argentina. Com os resultados, os dois não puderam retornar para o Brasil e ficaram em isolamento no quarto do hotel que serviu de concentração para os paulistas em Buenos Aires.

Como prevê o regulamento da Conmebol, os dois e os demais integrantes da delegação realizaram o teste obrigatório que precisa ser entregue para a instituição que organiza a competição 24 horas antes da viagem. E também para entrar na Argentina.

Como em nenhuma das duas ocasiões John e Wagner Leonardo apresentaram resultado positivos, foram liberados para a partida. O goleiro atuou e o defensor ficou no banco de reservas.

O clube argentino questiona se o Santos sabia da situação dos atletas e os colocou na relação do jogo. O Diário Olé destaca que chamou a atenção que a conversa do técnico Cuca com os jogadores teria ocorrido no gramado da Bombonera, “ao ar livre”, e não no vestiário, como é o costume.

Os exames que deram positivos teriam sido realizados no momento de deixar o país, que foi na quinta-feira. Os dois aguardam uma definição com o Santos para saber quando poderão retornar ao Brasil.

Até o momento, o clube santista ainda não se pronunciou sobre os casos com os jogadores. O certo é que ambos estão fora do jogo do final de semana contra o São Paulo e do jogo da volta da semifinal da Libertadores na próxima semana.

Veja Também

 


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895