Lewandowski marca seu 41º gol na Bundelisga e bate recorde em uma única edição
patrocinado por

Lewandowski marca seu 41º gol na Bundelisga e bate recorde em uma única edição

Atacante polonês marcou aos 45 minutos do segundo tempo para quebrar marca de Gerd Müller de 1972

AFP

Bayern goleou o Augsburg por 5 a 2 neste sábado

publicidade

Robert Lewandowski registrou neste sábado um novo recorde de 41 gols marcados em uma única temporada da Bundesliga, superando a marca anterior que pertencia ao lendário Gerd Müller (40 gols em 1971-1972), com a mesma camisa do Bayern de Munique. O atacante teve que esperar até o último minuto da 34ª e última rodada da temporada contra o Augsburg para marcar aproveitando a sobra após um chute de longa distância de Sané rebatido pelo goleiro Rafal Gikiewicz, a quem driblou antes de mandar para o fundo da rede.

"Tenho a impressão de estar em um filme de ficção científica. Perdi minha voz. Por noventa minutos tentei marcar mas não conseguia, consegui no último minuto, com suspense", disse Lewandowski, que comemorou seu gol com uma camiseta que dizia 'For Ever Gerd' ('para sempre Gerd') em homenagem ao jogador campeão do mundo em 1974. Com este gol 'Lewa' superou o recorde de 40 gols que o 'Bomber' alcançou na temporada 1971-1972, também com a camisa do Bayern de Munique.

"Eu vi Leroy chutar e pensei que seria um gol. Foi difícil para mim antes, mas esperava uma situação como esta. Agradeço à minha equipe por tudo que fez para me ajudar a marcar este gol, compartilho meu recorde com eles, eles me permitiram alcançá-lo", acrescentou o jogador de 33 anos.

O holandês Jeffrey Gouweleeuw havia marcado contra aos 9 minutos, Serge Gnabry ampliou para o Bayern aos 23, Joshua Kimmich fez o terceiro aos 33 e o francês Kingsley Coman o quarto aos 43, na comemoração de seu nono título seguido da Bundesliga, o 31º de sua história, diante de um público de 250 espectadores. O Augsburg diminuiu com André Hahn (67) e Florian Niederlechner (72).

Em um dia em que não estava tão eficiente como costuma ser, Lewandowski só marcou em sua sétima chance, a tempo de festejar seu recorde com um punhado de pessoas que conseguiram chegar à Allianz Arena. No auge de sua carreira, Lewandowski, o melhor jogador da Fifa em 2020, torna-se o maior artilheiro da Bundesliga pelo quarto ano consecutivo.

A não ser que ocorra uma surpresa, ele também conquistará a Chuteira de Ouro Europeia, o como maior goleador do continente, tendo ampla vantagem sobre os eternos Lionel Messi (30 gols) e Cristiano Ronaldo (29). Seu recorde nesta temporada é ainda mais extraordinário porque ele participou de apenas 29 jogos, devido a lesão, enquanto Müller jogou todos os 34 da temporada 1971-1972.

'The Body', como seus companheiros o chamam por causa de seu físico de atleta, é o grande destaque da nona liga consecutiva do gigante bávaro. Na temporada passada, Lewandowski já vivia um percurso dos sonhos, levando o Bayern a uma tríplice coroa (Bundesliga-Liga dos Campeões-Copa da Alemanha).

Em 2021, o Bayern venceu o Mundial de Clubes em fevereiro e revalidou o título na Bundesliga. Não conseguiu repetir o sucesso na Liga dos Campeões e na Copa da Alemanha, mas o recorde de gols alcançados neste sábado amplia ainda mais a lenda do atacante.

Werder Bremen rebaixado

Também neste sábado o Werder Bremen, que perdeu em casa, caiu para a segunda divisão. Um dos grandes do futebol alemão há décadas, vencedor de uma dobradinha (Campeonato Alemão/Copa da Alemanha) em 2004, o clube não era rebaixado havia 41 anos.

Colônia (16º), penúltimo durante muito tempo, conquistou uma vitória crucial por 1 a 0 sobre o lanterna Schalke, o que lhe permitiu terminar na posição de promoção e jogar um playoff de ida e volta contra o terceiro da segundo divisão, o Greuther Fürth ou o Heidenheim, para decidir qual equipe vai completar os 18 da elite na próxima temporada.

No topo da tabela, como já estava decidido antes da última rodada, juntamente com Bayern de Munique, Leipzig (2º), Borussia Dortmund (3º) e Wolfsburg (4º) vão disputar a Liga dos Campeões, enquanto Eintracht Frankfurt (5º) e Bayer Leverkusen (6º) vão jogar na Liga Europa.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895