Na apresentação ao Cruzeiro, Ceni joga favoritismo ao Inter
capa

Na apresentação ao Cruzeiro, Ceni joga favoritismo ao Inter

Técnico quer tornar time mineiro competitivo para o jogo de volta da Copa do Brasil e admite foco no Brasileirão

Por
Correio do Povo

Rogério Ceni chegou a Belo Horizonte nesta terça-feira a Belo Horizonte para assumir o Cruzeiro

publicidade

Apresentado nesta terça-feira no Cruzeiro, o técnico Rogério Ceni explanou seus objetivos no novo clube. Entretanto, ele afirmou que o Inter é favorito na Copa do Brasil, em razão da vitória colorada, na semana passada, no jogo de ida do confronto das semifinais do torneio. Ainda assim, esperar tornar a equipe mineira mais competitiva. 

“Temos um jogo de Copa do Brasil. Claro que é contra o Inter, em Porto Alegre, com todas as dificuldades e o favoritismo (deles)”, citou, em uma de suas primeiras manifestações como treinador cruzeirense. A situação adversa, conforme ele, foi um de seus motivadores a aceitar a proposta: “Talvez tenha sido um dos grandes fatos que moveu essa vinda até aqui. Não se joga fora uma oportunidade de ser campeão quando se trata de Cruzeiro”.

O confronto de volta entre Inter e Cruzeiro será em 4 de setembro, no Beira-Rio. Os colorados podem empatar que avançam à decisão. Ceni disse que pretender usar o período de semanas cheias de treinos para encontrar uma melhor maneira de enfrentar o Inter. “Temos muitos desafios até este jogo do Inter: Santos, CSA e Vasco. Espero que a gente consiga crescer dentro de campo o suficiente para quando chegar neste jogo contra o Inter, e ser um adversário que possa buscar esta diferença”, projetou.

O treinador rasgou elogios ao Inter, porém garantiu que seu novo clube estará no páreo: “O adversário é um grande time, o Odair (Hellmann), um baita treinador, mas o Cruzeiro tem chances de vencer”.  

No entanto, Ceni pontuou que a meta mais importante de seu trabalho será recuperar o time no Campeonato Brasileiro, no qual o Cruzeiro não vence há 11 rodadas e está na zona de rebaixamento há duas. “Vamos tentar nos encontrar nesta competição (Copa do Brasil), mas principalmente no Campeonato Brasileiro, onde o Cruzeiro ocupa uma posição que não condiz”, comentou.