Boxeador russo e levantador de peso romeno perdem medalhas do Rio-2016
capa

Boxeador russo e levantador de peso romeno perdem medalhas do Rio-2016

Atletas foram flagrados no exame antidoping<br />

Por
AFP

publicidade

O boxeador russo Misha Aloian e o levantador de peso romeno Gabriel Sincraian foram condenados a devolver as medalhas conquistadas nos Jogos Olímpicos do Rio-2016 por terem sido flagrados em exames antidoping, informou nesta quinta-feira o Tribunal Arbitral do Esporte (TAS).

Aloina, que é bicampeão mundial da categoria peso mosca, levou a medalha de prata na Cidade Maravilhosa. Ele foi flagrado por uso de tuaminoeptano, um estimulante que faz parte da lista de substâncias proibidas. O exame ocorreu no dia 21 de agosto, no Rio, depois da final perdida para o uzbeque Shakhobidin Zoirov. Já Sincraian, que conquistou o bronze na categoria até 85 kg do levantamento de peso, testou positivo por uso de testosterona.

O romeno já havia sido suspenso por dois anos por doping no passado e tinha retornado às competições em 2015. Na sexta-feira, a versão final do relatório McLaren sobre o esquema de doping organizado na Rússia será divulgada, em Londres, com a expectativa de novas revelações bombásticas.