Rubinho revela que foi procurado pela McLaren
capa

Rubinho revela que foi procurado pela McLaren

Piloto brasileiro diz que conversou com equipe inglesa durante o GP do Brasil

Por

Rubinho revela que foi procurado pela McLaren e diz que Williams é “sonho de criança”

publicidade

O destino de Rubens Barrichello, que será piloto da Williams no Mundial de 2010, quase foi a McLaren. O piloto brasileiro fez a revelação nesta segunda-feira.

Conforme Rubinho, que divulgou a informação em seu site oficial, a aproximação da escuderia inglesa ocorreu no fim de semana do Grande Prêmio do Brasil, entre os dias 16 e 18 de outubro. Tarde demais. Já na época, ele já estava acertado com a Willims

"Com a McLaren, cheguei a falar, mas foi mais para frente, no GP do Brasil exatamente. Uma grande equipe sempre a ser considerada, mas meu contrato com a Williams já estava assinado. E bem assinado", disse o brasileiro.

A revelação de Barrichello indica que a McLaren não deve mesmo manter o finlandês Heikki Kovalainen em 2010 – os alemães Nico Rosberg e Adrian Sutil e o finlandês Kimi Raikkonen são os outros candidatos a formar parceria com o inglês Lewis Hamilton.

Rubinho também declarou que ingressa na escuderia de Frank Williams “para liderar um projeto na tentativa da equipe de voltar ao topo”, e falou que o novo time representa um sonho. "Estou indo realizar um sonho, pois sempre sonhei em guiar para Williams, desde criança, desde a primeira vez que vi um F-1 na TV. (...) Várias vezes nesses últimos 17 anos chegamos a conversar e a quase fechar um contrato, mas confesso que a hora boa é agora: nunca estive tão preparado, nunca estive tão bem guiando um carro e a Williams sabe vencer e tenho confiança no trabalho deles."

O companheiro de Rubens Barrichello na Williams será o alemão Nico Hulkenberg, de 22 anos, que irá fazer sua estreia na F-1.


Com informações do R7.